Diante de tanta instabilidade no cenário econômico no país, o mercado de trabalho é fortemente atingido. Para quem permanece empregado, sempre paira a dúvida no ar: quais atitudes posso tomar, para não ser o próximo a ir embora? A TV Nube foi atrás dessa resposta e conta aqui, nesta matéria!

Para Scher Soares, consultor empresarial, o colaborador tem uma conta na empresa. “Há sempre o lado credor ou devedor. Quando vamos além das expectativas, estamos com débito, mas quando não damos o nosso melhor, há sempre uma parcela em aberto. Por isso, você deve avaliar como estão seus créditos hoje”, explica.

Já para Leila Santos, o importante é mostrar seu verdadeiro diferencial. “Todos podemos aprender uma atividade e realizá-la, portanto, você deve ir além do conteúdo teórico e apresentar outras competências”, explica. Uma boa forma de se diferenciar, é por meio da comunicação. Por isso, aposte em seu marketing pessoal e na forma como se relaciona com os demais.

Marjorie Romano Kerner, gerente nacional de vendas na Hope Lingerie, hoje, é quem faz os cortes de sua equipe e comenta qual fator é decisivo para a decisão. “Falta de proatividade e iniciativa são terríveis em um time e, certamente, pesam muito no desligamento”, ressalta.

Quer saber mais sobre o tema? Dê play em nosso vídeo e garanta sua colocação.

Veja também:

TV Nube: fui demitido, e agora?

TV Nube: qual a hora certa de pedir demissão?

Compartilhe