Ao ingressar no mercado profissional, quais foram as suas expectativas? A maior parte da população brasileira, de acordo com pesquisa do IBGE em 2011, são indivíduos de até 29 anos, 48,6% de um total de 195,2 milhões. Ou seja, é grande o número de jovens no ambiente corporativo e muitos pleiteiam cargos de liderança logo nos primeiros anos. Como eles podem se preparar?

Junto ao aumento de salário, algumas responsabilidades estão implícitas na rotina de um gestor. “Eu me preparei muito ao assumir uma equipe, pois liderar exige energia e boa comunicação”, explica Adriana Mara Magalhães, coordenadora BPO. Porém, quando exploradas, tais características podem ser positivas aos candidatos a cargos de chefia: “a Geração Y tem o dom de ser multitarefa e sabem mexer muito mais com tecnologia, comparado a gerações anteriores. Isso com certeza é um plus nas organizações”, avalia Régis Lima, diretor da Lumen IT.

Camila Barrence é analista de marketing e deseja crescer profissionalmente: “eu vejo líderes como pessoas atenciosas, esforçadas e com capacidade de trabalho em equipe e eu acredito possuir essas habilidades”, pondera. Daniela Orci, professora universitária da FMU, complementa: “é muito importante fornecer oportunidades aos jovens. Eles chegam com sede de conhecimento no mercado e nesses momentos, feedbacks são imprescindíveis”·

Acompanhe mais com a TV Nube e dê o play em nossa matéria!

Compartilhe