Após a modificação da Lei do Estágio em 2008, muito mudou. Antigamente, os estudantes chegavam a estagiar 8h por dia como um trabalhador CLT, mas, nem sempre tinham os mesmos direitos.

Hoje, as coisas mudaram e o educando tem mais tempo para realizar as atividades acadêmicas, sem precisar sair mais cedo do estágio, ou fazer trabalhos às pressas e sem qualidade. As 6h diárias e 30h semanais são o ideal para tudo correr bem.

“Diversas empresas não sabem, mas o tempo de intervalo de almoço em um estágio não precisa ser computado dentro das horas trabalhadas, permitindo um melhor aproveitamento do período do colaborador”, explica Darlene Carvalho, supervisora comercial do Nube.

Ter um estagiário colaborando para a organização é extremamente importante, pois além da instituição ganhar com conhecimentos atualizados de mercado, pode moldar o jovem conforme a cultura da empresa.

Agora você sabe a indicação para um aluno desenvolver seu lado profissional, sem prejudicar os estudos. Assista ao Minuto Carreira e conheça outras dicas!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubeestagios) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook . Agora estamos também no Google+ , Foursquare e no Linkedin . Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead . Todos os serviços para o estudante são gratuitos.

 

Compartilhe