A tarefa de contratar não é tão fácil para as empresas. Ou se pode acertar "na mosca" ou perceber o engano ao eleger determinado candidato. Como esse processo demanda certo tempo e muito trabalho, é importante observar certos aspectos para esse investimento ser recompensado.

Uma dica é procurar saber quais as tendências do mercado de trabalho, ou seja: qual o perfil as empresas têm buscado? Além disso, é preciso ir além de um bom currículo. Os cursos extras, diferenciais no passado, hoje são vistos pelos profissionais de RH como atributos praticamente obrigatórios. Incluem-se aí o conhecimento de língua estrangeira, a habilidade com alguns programas de informática e especializações em sua área de atuação.

Você já se perguntou “mas qual é então o diferencial?” A postura é a peça chave em uma seleção. Além da facilidade de comunicação, tradicionalmente esperada, outras características são importantes e podem trazer bons resultados caso a contratação ocorra.

Para estar em condições de competir, a empresa necessita, constantemente, fazer alterações e melhorias, seja em serviços, produtos, tecnologias, ou mesmo na estrutura interna. É importante a flexibilidade do funcionário para mudanças não refletirem em seu desempenho. Nesse caso, é necessário equilíbrio emocional suficiente para assumir suas tarefas de forma satisfatória, mesmo diante certa pressão.

Ter iniciativa é fundamental. A criatividade também é outra característica em alta, para haver sempre inovação. Clareza de raciocínio e habilidade para tomar decisões são quesitos desejáveis. A liderança é um traço decisivo no perfil. Não se trata daquele indivíduo “mandão”, mas sim envolvido em cada tarefa, participando do trabalho, fornecendo orientações, coordenando as atividades e motivando o grupo.

Luciana Coca, da área de recrutamento e seleção do Nube, revela: “por acreditarem não ter autonomia em uma empresa, os jovens sentem receio de apresentar suas ideias. Contudo, a vontade de contribuir para a organização é um diferencial, sugerindo melhorias ou soluções e utilizando o conhecimento teórico do curso para agregar na empresa”.

Por conta do nervosismo, os candidatos acabam não aproveitando o momento para fazer o seu marketing pessoal. O ideal é expor suas qualificações e seus diferenciais, sempre de forma clara e objetiva. “Caso o entrevistador se interesse por algum ponto, ele poderá detalhar mais sobre o assunto”, revela Luciana.

Durante uma atividade em grupo, o jovem deve agir naturalmente, encarando a dinâmica como um dia de trabalho. Dessa forma, a avaliação fica mais assertiva e mais proveitosa para ambas as partes. Para a recrutadora, “alguns estudantes costumam utilizar os conhecimentos teóricos para auxiliar no decorrer dos processos seletivos, sendo algo positivo, pois mostra domínio do assunto”.

Lembre-se: concentrar várias atividades em suas mãos é prejudicial, pois dificulta o envolvimento de terceiros. Pesquisar sobre a empresa e entender as características da vaga são sempre pontos positivos aos candidatos. Dessa forma, eles conseguem mostrar atitude e interesse na oportunidade.

Dica do Nube: Nenhuma empresa gosta de ter em seu quadro de funcionários alguém desmotivado ou sem qualquer entusiasmo para aprender coisas novas. É esperado energia e muito ânimo, pois esta é a expectativa quando se traz novos membros à equipe.

Tudo isso, atrelado ao compromisso com a empresa (o famoso "vestir a camisa"), aos colegas de trabalho e à consciência da importância de seus atos, traça o perfil do profissional procurado pelas empresas atualmente.

Muitas vezes, é difícil encontrar alguém com tantos atributos. Porém, cabe a cada organização ponderar os aspectos mais relevantes e colocá-los em prática da melhor forma possível, no objetivo de encontrar o seu candidato ideal.

Boa sorte!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubeestagios) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook . Agora estamos também no Google+ , Foursquare e no Linkedin . Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead . Todos os serviços para o estudante são gratuitos.

Compartilhe