O que é ser um líder exponencial? Certamente, esse título não está relacionado à tradição ou ao modo como pensávamos até pouco tempo atrás sobre quem assume cargos de gestão. Os antigos “chefes” dão lugar, cada vez mais, a posições democráticas, sem uma definição tão forte de hierarquia. 

Dessa forma, na nova realidade, é preciso “esquecer” títulos, não pensar em cargos como supervisores, gestores, diretores e presidentes. Ao contrário, é vital ver a liderança natural emergente de um grupo, a qual pode ser exercida, inclusive, por outros integrantes em diferentes momentos..

O conceito, aliado a dicas práticas, é apresentado pelo empresário José Paulo Pereira Silva no livro “Lições para você construir negócios exponenciais”. Fundador de um dos maiores conglomerados do ramo de tecnologia da América Latina, o CEO do grupo Ideal Trends compartilha as habilidades fundamentais para motivar as equipes e escalonar os resultados. Veja!

Cultura: “é preciso saber qual é a cultura da empresa, acreditar nela e segui-la, compartilhar os propósitos e torná-la um guia para todas as suas ações”.

Visão: “é vital trazer clareza a seus liderados, com a construção de um caminho concreto, antecipar oportunidades em sua área de atuação, com base no cenário atual e em tendências e enxergar o futuro da organização”.

Impacto: “suas ações geram transformação massiva e duradoura, impactando o coletivo, com poder suficiente para levar um segmento a outros caminhos”. 

Influência: “influenciar ativamente a todos para trabalharem com espírito de colaboração, com ideias disruptivas, superando objeções e resistências, a fim de realizar as transformações necessárias”. 

Conexão com novas tecnologias e tendências: “é indispensável ter consciência de como a tecnologia transformará todos os negócios, conheça-as em busca de tendências. Essa característica o faz antecipar possibilidades e estar sempre à frente da concorrência”. 

Agilidade: “o mundo se modifica cada vez mais rápido, o novo surge de forma abrupta. Por isso, é necessário ser hábil para aprender, traduzir o conhecimento em ações práticas e fazer o time incorporar processos”.

Luciana Ferreira, estudante de gestão de recursos humanos, em Osasco, está antendada quanto a essa questão e, no seu estágio, busca sempre a praticidade. “Não dá para ser devagar em um mundo conectado nos 220 volts. Preciso ir além das demandas e otimizar os processos sempre”, comenta. 

Desafiar o status quo: “esteja sempre em busca de chances de melhoria, pensando grande, experimentando, arriscando, ampliando sua perspectiva. Vá além de sua área de atuação e perceba os desafios fora de sua indústria”.

Catalisador/potencializador: “crie condições para cada integrante da staff desenvolver seu potencial de forma integral. Reconheça os pontos fortes de cada um, seus talentos e propósitos. O líder exponencial deve funcionar como catalisador e acelerador das capacidades de todos – equipes, ele mesmo e semelhantes”.

Inspiração: “esse é o seu diferencial, poder inspirar pessoas a serem curiosas, interessadas, a fazerem as perguntas nunca pensadas. Apresente planos futuros para conduzir à reflexão. Isso leva não só a aprender, mas a colocar em prática”.

Compartilhador de vitórias e conquistas: “há um prazer enorme em verificar o crescimento e a realização das pessoas à sua volta. Saiba reconhecer até as pequenas vitórias e permitir a falha construtiva, a qual gera aprendizado para melhorar”.

Se atentar às novas realidades e se adaptar a elas é essencial para qualquer cargo no contexto corporativo. Assim, fique atento às demandas e transformações da sociedade como um todo, pois isso poderá abrir excelentes oportunidades em sua jornada pelo mundo organizacional. 

Como ser um gestor do futuro?

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe