Quanto mais convivemos com certas ideias, maiores são as chances de aperfeiçoá-las. Apesar de aparentar pouco tempo de utilização do home office pelas empresas, novas formas surgiram. A pandemia nos fez ressignificar o conceito de escritórios e, com o progresso da vacinação, exercer as funções em ambientes ao ar livre, por exemplo, é uma realidade. Já imaginou ter a chance de trabalhar em qualquer local?

O Anywhere Office

Por muito tempo, a cultura de “comando e controle”, relacionada à necessidade de manter os colaboradores fisicamente próximos, era vigente em diversas organizações. Atuar fora das corporações não costumava ser bem visto pelos gestores. Entretanto, em 2020, foi preciso priorizar a saúde das pessoas e deixar as inseguranças de lado.

Depois de, aproximadamente, um ano e meio de medidas restritivas e adaptação, é mais fácil enxergar os benefícios trazidos pelo trabalho remoto. Todavia, de uns tempos para cá, ele começou a ser enxergado, por algumas pessoas, como um modelo engessado. O reflexo é visto nas buscas do Google: foi notado um aumento de 668% nas pesquisas por “casas para alugar” e em 600% na procura por “moradias no campo e no litoral de São Paulo”, conforme dados da Bossa Nova Sotheby’s.

Isso mostra uma ascendência na adoção do anywhere office. Em tradução literal, significa: escritório em qualquer lugar. Ou seja, em um café, na praia, fazendas, bibliotecas, coworkings ou até mesmo no sistema presencial. Trata-se de um modo flexível, o qual o colaborador é livre para escolher onde deseja exercer as atividades. Para isso, basta contar com um notebook/computador e Internet.

Novas oportunidades

É verdade: a crise sanitária foi o precursor de muitas mudanças. Porém, ela não foi a única. Thiago José Ferreira, gerente de uma equipe de atendimento, morava de aluguel com a namorada em um apartamento em Mogi das Cruzes, SP. Em fevereiro de 2021, o proprietário resolveu vender o imóvel. Como o casal não tinha interesse em comprá-lo, decidiram usar o dinheiro da mensalidade com reservas em Airbnb 's (aplicativo voltado para reservar residências ou quartos virtualmente) em outras cidades ou estados.

“Com acesso à rede, conseguiríamos nos dedicar normalmente, de onde estivéssemos. Isso serviu até para aproveitar esse período final da pandemia, pois dificilmente teríamos uma oportunidade como essa no futuro.” Animados, visitaram diversos municípios do sul do país, como Florianópolis, Joinville, Blumenau, em Santa Catarina, Torres e Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, entre outras. Até a volta do regime presencial, eles pretendem continuar com o tour.

A escolha abriu portas para o “workcations”, uma mistura de trabalho (work) com férias (vacation). Poder ir à praia ou à cachoeira, antes ou após o expediente, conhecer os pontos turísticos aos finais de semana, entre outras mil e uma possibilidades. “Temos um mês de descanso uma vez ao ano, então é um grande dilema decidir ‘para onde ir’. Assim, conseguimos conhecer vários destinos incríveis!”, completa.

Benefícios

O teletrabalho, independentemente do tipo, surpreendeu a muitos. Conforme dados da Fundação Instituto de Administração, 94% dos negócios brasileiros atingiram ou superaram as expectativas com os resultados. Na outra ponta, em um estudo conduzido pela Upwork, a diminuição de reuniões não essenciais (70%), deslocamento desnecessário (54%) e menos distrações (44%), foram alguns dos aspectos mais aproveitados pelos empregados.

A qualidade de vida é a base desses fatores citados. Seja para ter mais momentos com a família, praticar algum exercício físico ou realizar um curso, são maneiras benéficas de aproveitar o tempo gasto no trânsito ou em transportes públicos. "Às vezes, o colaborador sai com três horas de antecedência para chegar no horário, isso reflete do desempenho, pois ele começa o dia cansado e estressado”, aponta Danielle Alvarenga, pós-graduanda em gestão de pessoas.

O lado financeiro também ganha: economizar com passagens ou gasolina e alimentação, por exemplo. Já para as instituições, há redução dos custos de aluguel, segurança, limpeza, contas de água, luz e Internet. Além disso, contratar talentos pelo mundo é mais viável, sem a necessidade dessa pessoa mudar de país, estado ou cidade.

De acordo com Silvia Mara dos Santos, coordenadora de formação do Instituto de Desenho Instrucional - desenho de ação de formação de Curitiba, PR, “a tecnologia é a grande aliada. Hoje existem diversas ferramentas facilitadoras do cotidiano. São aplicativos de reunião, gestão de senha, acompanhamento de equipes e projetos, brainstorming, entre outros, possibilitando a eficácia e eficiência da rotina”

Desafios

Claro, não se trata apenas de autorização. É necessário um suporte da companhia, desde treinamentos dos times a capacitação de lideranças. Nesse momento, a comunicação tem um papel ainda mais importante. Alinhar os objetivos, fornecer feedbacks, definir estratégias de hard e soft skils etc.

“Por não estar dentro de um ambiente controlado, a demanda e o esforço devem ser superiores para ambas as partes, a fim de proporcionar uma entrega positiva e vantajosa. Para isso, é primordial adequar alguns quesitos, como horário, afazeres (empresariais e domésticos), entre outros”, alerta Danielle. Em uma visão macro, as vantagens são muito maiores quando comparadas aos desafios.

“A prática é uma tendência a nível mundial e cada vez mais fará parte da cultura organizacional. Isso porque as pessoas querem se desenvolver em um contexto positivo, tanto para a vida pessoal, quanto profissional” finaliza Silvia.

E aí? Você está preparado para o futuro corporativo? Aproveite para conhecer outros estilos, como o sistema híbrido e como liderar equipes com ele.

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe