A crise do novo coronavírus tem preocupado a população em muitos sentidos, principalmente, no financeiro. Isso se tornou um pânico generalizado e esse pode ser o problema mais grave. Assim, é hora de controlar o desespero, pois com organização e cuidados vamos passar por esse momento turbulento. Essa preocupação faz parte da sua realidade? Então, fique atento às nossas dicas para sobreviver a esse tempo de pandemia e não perder dinheiro!

É hora do planejamento

Esse é um período no qual é preciso reduzir ainda mais os consumos. “Muitas pessoas estão em quarentena, em casa ou trabalhando no regime de home office e devem se preocupar, pois isso pode gerar mais gastos. Ou seja, alimentação, consumo de energia, Internet, dentre outros. Então, é preciso planejamento”, explica o presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), Reinaldo Domingos.

Diante desse cenário de incertezas, o momento é de rever costumes, aprimorar práticas e se reinventar. Dessa forma, veja algumas orientações de medidas financeiras para enfrentar essa instabilidade mundial:

  1. Criar estoques de produtos - tenha cuidado, não forme estoques enormes, isso pode gerar custos desnecessários e até prejudicar o próximo. A instrução é comprar o necessário para não sair de casa de hora em hora, colocando em risco sua saúde e também da sociedade.
  2. Home office ou quarentena - como Domingos exemplificou acima, estar em casa pode resultar em mais contas. Por isso, fazer uma programação é muito importante.
  3. Cuidados profissionais - com a atual crítica conjuntura econômica global não dá para vacilar. É preciso respeitar o ambiente de trabalho e o empreendimento o qual você presta serviço. Deve-se manter a produtividade visando continuar a movimentar o país e diminuir o impacto na empregabilidade.
  4. Chegou a hora de saber investir - é inevitável aprender com a queda das bolsas. A instrução é procurar variar o investimento de acordo com o tempo de utilização do dinheiro. O estagiário de engenharia, Eduardo Escaleira Calza, pesquisou e decidiu arriscar: “estive estudando aplicações desde o final do ano passado, então, agora peguei uma quantia reservada para isso e resolvi aplicar. Aproveitei a caída de algumas ações e tomei a decisão. Antes certifiquei minha reserva de emergência, é claro”.
  5. Faça uma faxina de receita e despesas - muitas vezes o fato de ter menos opções pode mostrar a possibilidade de viver com menos. Logo, é oportuno evitar saídas e gastos dispensáveis. Assim, “por mais horrível seja a crise, é preciso aprender com ela”, ressalta o presidente da Abefin.
  6. Lide com a alta do dólar - com esse aumento todos indivíduos são atingidos, pois são consumidores. Com isso, o encarecimento da moeda americana reflete diretamente no preço de produtos e serviços do cotidiano. Sendo isso inevitável, é preciso garantir o ganho maior em relação às despesas.
  7. Chegou a hora de sonhar - aproveite o tempo em família para definir e conversar sobre objetivos materiais e o as próximas etapas depois desse período. Isso posto, pode-se dividir os sonhos em três tipos: curto (até um ano), médio (até dez) e longo (acima de dez) prazos.
  8. Mude o formato de seu orçamento - primeiro, elabore o registro das receitas mensais. Depois, separe os valores pré-definidos para os projetos da família e, somente com o restante, adeque os desembolsos. Isso fará um ajuste do padrão de vida para alinhar novas conquistas.
  9. Livre-se das dívidas - a medida primária é entender e resolver o problema o qual levou ao endividamento. Em seguida, liberte-se delas, nesses momentos os credores também oferecem melhores condições de negociações. Do contrário, certamente a alta dos juros prejudicará suas finanças no futuro.

Deixar para trás velhos hábitos e implementar mudanças é um grande desafio. Portanto, se colocar em prática essas estratégias, verá os resultados significativos. Basta dar o primeiro passo, conte com o Nube!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe