Diante de um período no qual se fala muito sobre a saúde física e mental, o sono deve estar nessa pauta. Ao dormir o organismo produz uma série de hormônios fundamentais para reparação de tecidos, crescimento muscular, síntese de proteínas, consolidação da memória - peça-chave para a produtividade - e outras funções. Por isso, estagiários e aprendizes, atentem-se!

O impacto do sono

Se esse ato é importante para os adultos, pois uma pernoite ruim pode afetar o trabalho profissional, também é essencial para crianças e jovens. Eles podem ver o rendimento escolar baixar drasticamente e afetar, inclusive, o desenvolvimento de competências.

Essa adversidade contribui para dificuldades na aprendizagem. Então, veja só: para a faixa etária de seis a 13 anos, recomenda-se de nove a 11 horas de sono por dia. Já entre 14 e 17 anos, o ideal são de oito a dez horas diariamente. Para os adultos, no mínimo sete a nove horas por noite.

Para o médico ortopedista, professor e escritor, Thanguy Friço, existem razões para se ajustar a isso. “Ao dormir pouco, não consegue-se repor as energias e acaba-se indo para a escola,por exemplo, com uma diminuição acentuada das capacidades cognitivas”, explica. Além disso, durante esse tempo acontecem diversos processos metabólicos do conhecimento. “Um deles é a última etapa (REM), responsável pela maior parte dos sonhos, pelo processamento e pelo armazenamento de conteúdo adquiridos no dia”, afirma.

Essa “atitude” é fundamental também para se criar e guardar memórias de longo prazo tão essenciais. “Ao interromper essa última fase, o jovem acaba por não conseguir transformar o saber conquistado em uma memória consolidada”, diz o especialista. Por isso, pausar menos em relação ao recomendado, pode acarretar na dificuldade na tomada de decisões, aumento nos comportamentos arriscados e piora na performance das atividades físicas.

De acordo com a pesquisa Global de Sono ResMed 2022, para 64% dos brasileiros o estresse gerou um impacto no adormecimento desde o início da pandemia. Pensando nisso, estabelecer uma rotina é benéfico para toda a vida. “Determinar horários para desacelerar e criar costumes traz segurança, principalmente para os pequenos”, complementa a coordenadora de Educação Infantil do Colégio Marista Maringá, Eliana Claudia Graciliano.

Como criar hábitos saudáveis?

Nesse sentido, ela elencou algumas dicas para estabelecer bons hábitos em casa, visando a qualidade de vida no trabalho e nas tarefas domésticas. Veja:

Relaxar antes de dormir - pode ler um livro, ouvir uma música suave ou praticar uma respiração. Evite programas de TV, filmes e jogos assustadores, celulares, bem como a luminosidade direta no rosto. Isso vai ajudar a te desacelerar. A luz azul de televisores, telas de computador, telefones e tablets suprime os níveis de melatonina e retarda a sonolência.

Tente manter horários regulares para dormir e acordar - a rotina precisa incluir horários de deitar e levantar. Isso vai auxiliar a manter o relógio biológico em um padrão regular, tornando o cotidiano mais fácil e até dificultando perder a hora no estágio.

Ao acordar, procure meios de te despertar realmente antes de sair para trabalhar ou estudar. “Um bom café da manhã é fundamental para repor a energia necessária”, recomenda o médico. Além disso, ter uma alimentação saudável é crucial para a saúde. Segundo o Estudo NutriNet Brasil, feito pelo Nupens Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde da Universidade de São Paulo, houve um plus de 40,2% para 44,6% no consumo de frutas, hortaliças e feijão durante a pandemia. Ou seja, se teve maior cuidado com uma refeição balanceada.

Portanto, se ajustar diante de todas as situações é determinante e, no fim, leva a mudanças de comportamentos e hábitos ainda melhores. Acompanhe nosso blog e as redes sociais, pois publicamos conteúdos diariamente e temos opiniões de diferentes especialistas. Dessa forma, você se destaca no universo corporativo. Conte com o Nube!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe