Em 2021, o Brasil registrou o maior número de empreendedores de sua história, segundo dados do Portal do Empreendedor, do governo federal. Nos nove primeiros meses deste ano, o número de microempreendedores individuais (MEIs) cresceu em 14,8% se comparado com o mesmo período do ano passado, chegando a 10,9 milhões de registros. Logo, essa crescente traz um questionamento: qualquer um consegue iniciar um estabelecimento? Uma boa forma de crescer e contar com colaboradores motivados e extremamente bem intencionados, é por exemplo contratando estagiários logo no início do seu negócio. 

Empreender vai muito além de abrir um negócio

Conforme o mesmo levantamento, foram 1,15 milhão de novas formalizações entre o fim de fevereiro, pouco antes do início da pandemia, até o último dia de setembro. Somado às mais de 7,5 milhões de micro e pequenas empresas, esse setor representa 99% das organizações privadas e movimenta 30% do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e serviços produzidos) pelo país. 

Consoante à Luzia Costa, CEO (chief executive officer) do Grupo Cetro, as interrogações sobre isso vêm tomando espaço. “As pessoas têm me perguntado se empreender é para todo mundo. Eu posso dizer para você com toda certeza: é sim, mas abrir negócios, não!” Para explicar isso, ela complementa: “a palavra empreendedorismo está na moda e é associada a inaugurar uma companhia para gerar empregos e contribuir com a economia. Entretanto, vai muito além disso, tem várias formas”, destaca. 

Para Saulo Gonçalves, proprietário de uma farmácia há mais de 30 anos no interior de Minas Gerais, em Piedade de Caratinga, ao iniciar nesse ramo é preciso ter certeza para conseguir arcar com as adversidades. “Hoje, a nossa preocupação é como pagar o aluguel e ter bons profissionais. Um dos maiores obstáculos para isso é manter as vendas. A concorrência é muito acirrada, está cada vez mais complicado sobreviver diante das grandes redes, por exemplo”.  

Para Luzia, há diversas maneiras de executar uma tarefa como essa. “Você pode empreender como esposa, filha, dona de casa, mãe, amiga. Essa palavra tem a ver com qualidade de vida, segurança, atitude e doação”. Afinal, ao adentrar nessa jornada, você precisa estar pronta em completude, pois demanda de todas as áreas da vida. “Tem muito mais a ver com servir”, afirma a CEO

Ainda, a especialista prossegue: “quando eu decido amparar alguém, atrelo a felicidade e as coisas à minha volta comigo mesma, assim, eu consigo ter clareza de tudo.” É essencial ter um pensamento bem definido e identificar quem você é diante da sua ocupação. Portanto, “é preciso ter coragem”, destaca Gonçalves. 

Dicas para quem quer começar

“Você está disposto a se doar pelo seu negócio?”, questiona Luzia. Se a resposta for sim, está na direção certa! Pensando nisso, preparamos algumas dicas para quem deseja desbravar essa trajetória e fundar uma instituição. 

  • Faça o plano de negócios

Esse é o primeiro passo a ser dado se você decide ter seu próprio CNPJ. É de extrema importância ter um planejamento tático. O processo pode parecer complexo, mas se torna mais fácil quando você pesquisa bastante, faz boas leituras sobre o assunto e conta com softwares eficientes.  

  • Pesquise seu público

O plano de negócios precisa estar alinhado ao conhecimento de público-alvo ao qual sua marca servirá. Isso ajuda a escolher o melhor ponto da cidade para montar uma loja, por exemplo, e para desenvolver as estratégias condizentes com seu cliente ideal. Para determinar a sua persona, vá a campo com pesquisas e colha respostas dos moradores da localidade. 

  • Invista em marketing

O marketing é seu maior aliado, desde o princípio. Ele não serve apenas para divulgar seus produtos e serviços, mas também é responsável por agregar novos consumidores para conhecer seu estabelecimento. O funil de vendas é o trajeto no qual sua organização deve seguir, levando-o desde o interesse até a fidelização. 


Lembre-se: o Nube é seu aliado nos seus sonhos e na sua escolha de carreira! Além do mais, diariamente postamos sugestões e recomendações no nosso blog para você crescer profissionalmente e estar por dentro das novidades. Bem como, temos cursos on-line e gratuitos para enriquecer suas aptidões. Conte conosco!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe