A pandemia do coronavírus trouxe a necessidade das empresas se adaptarem a novos sistemas de trabalho e mostrou para muitas delas como é possível trabalhar remotamente sem perder a produtividade. Uma pesquisa realizada pela startup Open Mind, apontou: 85% das instituições pretendem manter os sistemas mesclando atuação a distância e presencial ao longo de 2021.

Justamente nessa realidade, é preciso se preparar para lidar com o novo normal imposto em um cenário pós-crise sanitária. Em empresas de tecnologia, essa questão se mostra mais fácil, porém, nos setores com intensa interação e incumbência manual dos funcionários, pode ser necessária uma frequência presencial maior de seus colaboradores.

Para Larissa Martins, estagiária de design, o principal desafio ao estagiar de casa é o contato com seus colegas. “Sinto falta daquela interação do dia a dia, mas também amo os benefícios do home office, então para mim mesclar as idas ao escritório e alguns dias em casa é a melhor solução depois da vacina”, conta.

Visão de especialista

De acordo com Uranio Bonoldi, executivo e professor de MBA na Fundação Dom Cabral, o líder precisa se aproximar dos seus liderados a fim de eliminar o afastamento físico. “Quando possível faça chamadas individuais e, de preferência, via vídeo. Conversas telefônicas, e-mail e mensagens podem não ser o suficiente nesse momento”, comenta.

Para ele, a boa notícia é justamente por causa dos serviços como o Zoom, Whereby ou Hangouts pois tornam isso relativamente mais fácil. “O objetivo é simples: defina a agenda, forneça o feedback e os recursos necessários para os membros da equipe”, compartilha o especialista. .

Apesar da diminuição de custos para as corporações, a distância pode maximizar problemas como falha de comunicação entre os setores. Por isso, veja algumas soluções com serviços de otimização e automatização para auxiliar os gestores a manterem o sistema operante à distância depois da pandemia:

Pipefy

Solução de gerenciamento de processos de negócio, é uma entidade global de SaaS (Software as a Service) a qual permite gestores altamente qualificados criarem e gerenciarem fluxos de trabalho eficientes. Recentemente, o estúdio de design e branding do Magalu, uma das maiores redes varejistas do mundo, utilizou as ferramentas do Pipefy para centralizar uma grande quantidade de informações. Para as áreas do marketing, isso possibilitou a administração de processos e produção de peças criativas. No primeiro semestre de 2020, foram 3,8 mil automações, enquanto no segundo esse número subiu para 16.400.

Boomit

A Boomit nasceu com o objetivo de entender as dores do empreendedor e ajudá-lo em sua jornada. A partir de uma plataforma exclusiva, a Boomit mapeia as principais dores em todas as esferas do negócio, criando estratégias de forma ágil para viabilizar as transformações.

A startup direciona mentores especialistas de inúmeras frentes do negócio, proporcionando uma visão completa de áreas como marketing, recursos humanos e departamento financeiro. Isso cria uma cultura de gestão responsável por permitir às organizações o desenvolvimento de um time capacitado e naturalmente autogerenciável. A Boomit já ajudou mais de 13 mil líderes no Brasil a otimizarem suas operações e cresceu mais de 100% desde 2020, mostrando o papel fundamental das mentorias personalizadas na recuperação em meio à crise.

Comunica.In

Startup de comunicação e engajamento ajuda a marca a se aproximar de seus times por meio de multiplataformas proprietárias inteligentes. Com a mensuração de resultados e engajamento com a inteligência de dados, os coordenadores são capazes de compreender ainda melhor os talentos e dialogar de forma mais assertiva com eles.

As mensagens geradas por meio da solução podem ser criadas e editadas dentro da própria plataforma, atendendo às principais necessidades corporativas. Com o uso de filtros desenvolvidos de forma estratégica focados na segmentação propositiva de conteúdos, aliado à possibilidade de envio em múltiplos canais, o Comunica.In garante assertividade para impactar as pessoas certas, se adequando à realidade dos mais diversos perfis organizacionais.

Sistema Gestor Nube

O Nube oferece um Sistema Gestor para o acompanhamento assertivo de todos os contratos de estagiários e aprendizes ativos da companhia. Ele pode ser acessado de qualquer lugar com acesso à Internet, 24 horas por dia. Além disso, os processos seletivos também podem acontecer de forma 100% remota, por meio de testes on-line, vídeo entrevistas e outras dinâmicas.

Tudo isso para garantir o aproveitamento máximo de todos os colaboradores da staff, seja quem está na primeira experiência profissional ou quem já tem mais tempo de carreira.

Saiba mais sobre os serviços do Nube para contratantes!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe