A entrevista costuma ser a fase mais temida em um processo seletivo. Afinal, nessa conversa de poucos minutos estão as maiores chances de mostrar ou não o potencial. Portanto, é fundamental se preparar e até mesmo ensaiar a situação antes de encará-la. Acompanhe as recomendações!

Para o consultor em administração e especialista em governança corporativa, Marcelo Camorim, os erros mais comuns podem ser resolvidos com orientações simples e práticas, válidas para atuantes em qualquer segmento. Veja: 

Autocontrole: a dica é prestar atenção nas perguntas do entrevistador. Se não entender, peça para repetir. Não tente falar difícil, use sua linguagem habitual, polida e respeitosamente. Responda a tudo sempre de forma bem objetiva e clara.

Pensamento positivo: saia de casa como se estivesse indo para sua última seleção da vida. O otimismo ajuda a trazer mais segurança.

Visual: estar vestido adequadamente traz uma ótima impressão, além de dizer sobre a disposição para vaga e como poderá ser sua conduta dentro da empresa.

Saiba sobre companhia: você não precisa ser um expert na atividade da organização, mas demonstrar ter a mínima noção é sinal de interesse e respeito.

“Pegadinhas”: o recrutador pode fazê-las com intuito de identificar a reação e postura diante de situações as quais podem ocorrer na rotina da corporação. O objetivo é verificar a  personalidade e ética do candidato.

Honestidade: mentir não funciona. Os especialistas de RH são altamente treinados para detectar incoerências e inverdades. Se descoberta após a contratação, a consequência é uma só: quebra de confiança e demissão sumária. 

Falar de salário: se não for informado ao final, pode-se perguntar, de maneira sutil, dizendo não ter lembrado se ele falou. O problema é perguntar logo de cara ou do nada. 

Suas expectativas: apresentá-las é uma boa chance de dizer um pouco mais sobre sua experiência e até mesmo exibir algum case de sucesso. Evite o desespero.

Na opinião de Márcia Almeida, gerente executiva da Ricardo Xavier Assessoria, em Salvador (BA), a chave é a autenticidade. “Seja você mesmo, afinal nunca se sabe se o empregador busca exatamente o seu perfil. Não tente inventar um personagem ou imaginar quais as ações esperadas para o cargo”, recomenda. Lembre-se: ninguém consegue manter a atuação o tempo inteiro.

Conte com o Nube e boa sorte!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe