Muito tem sido dito sobre a importância de desenvolver a capacidade de comando, tanto num ambiente corporativo, quanto em seu próprio empreendimento. Contudo, fica a dúvida: é possível se tornar um líder ou se nasce um? Saiba mais!

Segundo Marcelo Policarpo, master coach da SBCoaching, "a essência dessa figura é intrínseca, mas ele tem de trabalhar no estímulo de novas competências e no aprimoramento das já existentes. Afinal, todo comportamento pode ser lapidado". Para o especialista, moldar essa atitude no âmbito empresarial tem como exigência conhecer suas potencialidades e a melhor maneira de despertá-las.

De acordo com estudo realizado pelo professor Charles Rigborg Mann, 85% das habilidades relacionadas ao sucesso no trabalho são soft skills, ou seja são imateriais, difíceis de serem medidas. Portanto, conheça quais são e como usá-las:

Administrar o tempo com eficácia: significa utilizar as horas a seu favor. Assim, garante-se a produtividade, tão requisitada pelas organizações.

Delegar tarefas: promove a fluidez e agilidade nos processos, estimula o aprendizado e ainda evita a sobrecarga.

Tomar decisões rápidas e assertivas: manter a mente aberta e flexível possibilita decidir melhor as opções disponíveis.

Resolver problemas: é solucionar questões complexas com rapidez, sem expor o grupo a um alto grau de estresse. É fundamental avaliar a gravidade, para entender a urgência ou não da situação.

Apresentar reuniões produtivas: o encontro deve ser uma ferramenta eficiente para brainstorming, análise de resultados e implementação de melhorias.

Desenvolver o capital humano: isso significa fortalecer a motivação e a satisfação dos funcionários.

Dar feedback e fazer follow-up: a comunicação deve ser clara, de fácil entendimento e detalhada.

Michelle Bösel, estudante de comunicação social na Universidade Federal do Rio de Janeiro, se identifica com o perfil de supervisão e busca experiência para atuar nessa posição futuramente. Para ela, é fundamental ter empatia, proatividade e saber direcionar o time para o melhor caminho. “Se eu fosse gerente me preocuparia com minha equipe. Analisaria o aprendizado e quais as opiniões sobre a gestão. Além disso, trabalharia com algo importante para mim”, conta.

E você? Já pensou como seria se estivesse nesse cargo? Compartilhe sua opinião em nossas redes sociais! O Nube te deseja boa sorte!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Google+Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe