Vaga de inclusão para pessoas Transgênero Vaga de inclusão para pessoas Negras e ou pardas Vaga em regime Home Office Vaga em regime Híbrido
Vaga com alta procura

Consulte todas as vagas dessa empresa!

  • +
Tenho interesse

A pandemia do novo coronavírus em 2020 causou diversas mudanças no mundo, e principalmente, no mercado de trabalho. Nesta matéria, vamos falar sobre os efeitos na área de gestão e como as empresas vêm lidando e se adaptando ao novo cenário.

Para gerir pessoas é necessário um conjunto de práticas e metodologias aplicadas com o objetivo de administrar o comportamento dos colaboradores. Uma liderança eficiente garante a organização e as condições de oferecer aos seus clientes um atendimento mais personalizado e eficaz.

A adoção desses bons hábitos traz a satisfação das equipes e a otimização da produtividade. Consequentemente, resulta no crescimento saudável da companhia. Isso porque os times permanecem mais engajados e comprometidos com o negócio.

Rosa Bernhoeft, especialista em liderança e gestão de altos executivos, destaca a importância do lado humano para o cenário atual e pós pandemia. Para ela, a capacidade de entender o próximo e compreendê-lo é imprescindível para comandar um quadro de sucesso. 

A mudança brusca de rotina causou impactos na vida, no ofício e também na saúde mental das pessoas. De acordo com um estudo realizado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e publicado pela revista The Lancet, os casos de depressão aumentaram 90%. Além disso, sintomas como crise de ansiedade e estresse dobraram entre os meses de março e abril do último ano.

Portanto, é comum estar enfrentando dificuldades com o comando de pessoal neste momento tão peculiar. Uma pesquisa, realizada pela consultoria Betania Tanure Associados (BTA), com 359 empresas brasileiras, destacou uma porcentagem de 43% na adoção do home office e mais de 60% das corporações questionadas consideram como principais desafios:

  • Adaptação das atividades presenciais para virtuais
  • Gerenciamento remoto de pessoas

Além disso, os líderes têm o desafio de cuidar dos negócios e, ao mesmo tempo, olhar para o bem estar do grupo e da família, sem perder o foco nos clientes e nas metas. Por outro lado, os colaboradores precisam equilibrar o seu ambiente residencial com o serviço, gerindo suas emoções e expectativas.

O blog da Crescimentum, consultoria especializada em educação corporativa, levantou quatro dicas para não errar no gerenciamento de equipes remotamente:

1- Comunicação

A comunicação se faz essencial! O dirigente precisa ter proximidade com o staff e manter contato regular, por vezes até diário. É importante ter transparência e compartilhar as informações disponíveis no momento sobre como a firma está olhando o cenário, próximos passos e medidas acatadas.

Caso não tenha, crie ou adapte alguns acordos de convivência. Por exemplo, estabelecer a frequência de contato, a ferramenta usada para isso e o tempo máximo de duração das reuniões on-line. É importante definir uma forma de facilitar o bom trabalho, de maneira organizada e equilibrada.

2 - Feedback

O feedback é um momento de olhar para o outro com interesse genuíno, altruísmo e com foco em seu desenvolvimento. É a forma mais rápida e sem custo de desenvolver e ajudar os liderados a evoluírem. Aproveite e peça a opinião deles sobre como está indo a sua gestão remota e como melhorar.

3 - Empowerment

O empoderamento é uma forma de engajar seu pessoal e motivá-los a produzir mais e inovar. É o momento de se concentrar no resultado e não em cada atividade específica ou no número de horas trabalhadas. Para isso, será preciso renunciar à necessidade de controle e de burocracia, pois se o funcionário precisar passar pela aprovação de várias pessoas pode se sentir desmotivado ou apenas executar a tarefa, sem acrescentar novidades.

4 - Relações de confiança

Se não houver uma boa relação de confiança, todas as dicas acima serão afetadas. Por outro lado, ao dedicar tempo para fortalecer esse aspecto, você consegue alcançar melhores efeitos. Vale ressaltar! Ou existe controle ou confiança. É impossível manter os dois.

Se você pedir três reports de atividades por dia, acessar e-mails, ligar para perguntar sobre produtividade e não como estão, você está demonstrando falta de crença. Dessa forma, você perde engajamento, comunicação transparente, feedback, colaboração e principalmente resultado. Uma equipe gerida por controle vai fazer o possível, não o melhor.

Gostou do assunto? Coloque tudo em prática, assista ao vídeo e acompanhe mais dicas na TV Nube! Nosso conteúdo é atualizado semanalmente e você pode desfrutar sem moderação, aproveite e concorra às melhores vagas!

Compartilhe