Algumas pessoas enxergam a gratidão como uma poderosa ferramenta de felicidade. De acordo com pesquisas, o sentimento promove uma repercussão positiva na vida diária, inclusive na carreira. Contudo, como isso funciona na prática? Vamos entender mais nessa matéria!

Em dias de rotina puxada, o cansaço torna-se inevitável. Com ele, podem vir o desânimo, medos e angústias em relação ao futuro e à concretização dos sonhos. Tais pensamentos negativos têm a capacidade de influenciar na performance e prejudicar entregas. 

Em um cenário como esse, uma das formas de manter a calma é prestar atenção nos fatores benéficos. Pensando nisso, Marina Machado, apresentadora na Band, lançou o livro “Diário da Gratidão - #nãoépoucacoisa”. Na visão dela, a atitude tem um poder decisivo.“Quando você começa a agradecer, inicia o entendimento do tamanho das coisas. A partir daí, compreende-se também a própria extensão. No mundo profissional isso é muito importante, pois ninguém faz nada sozinho. Quando o líder, por exemplo, começa a expressar o sentimento para a equipe e faz disso uma prática cultural na empresa, os resultados dos funcionários melhoram”, afirma. 

Mais proatividade e empatia

Segundo estudo do livro “A Ciência da Felicidade”, de Sonja Lyubomirsky, quem demonstra gratidão com regularidade é mais prestativo e empático. Além disso, tem menos probabilidade de ficar deprimido. Essas características fazem a diferença na vida profissional. 

Para Laura Pedrosa Caldas, psicóloga, mestre e doutora em psicologia, a o sentimento tem um impacto muito bom. “Quanto mais gratos somos em nossa vida profissional, mais conseguimos nos colocar no lugar do outro. Isso nos faz ampliar a rede de contatos corporativos e ser mais reconhecidos”, pontua a especialista.

Impactos na renovação celular

Sonja também descobriu em sua pesquisa sobre enzimas em nosso DNA as quais ficam mais curtas quando vamos envelhecendo, impedindo a renovação celular. Alguns fatores podem influenciar no comprimento delas, chamadas de telômeros. 

De acordo com Bruce Lipman, doutor em Biologia, um dos motivos é a gratidão. Isso porque ao adquirir a postura, automaticamente o organismo entende existir uma razão para continuar vivo. Dessa maneira, também há efeitos favoráveis na saúde emocional. 

Prática diária

Evandro Almeida, jornalista móvel e repórter multimídia aplica essa atitude em sua rotina. “Começo o dia orando, fazendo meditação e finalizo o expediente da mesma forma. É uma maneira de colocar um agradecimento pela vida desde o primeiro momento do dia até a última hora”, conta.

O jovem ainda destaca o poder da ação. “Quando mantemos esse hábito, seja considerando até as pequenas coisas, como alimento e água, conseguimos ter uma percepção das coisas boas acontecendo. Isso traz uma energia de saber existirem fatores positivos continuamente para nós”, finaliza.

Segundo estudo da Stanford Business, quem compartilhou esse sentimento, especialmente, os gestores aos seus funcionários, gerou uma produtividade 50% maior às suas equipes. Então, veja algumas dicas para aplicar em seu dia a dia:

  1. Afaste os pensamentos negativos: reprograme e delete sentimentos ruins e de baixa vibração.
  1. Treine a mente: torne essa prática um hábito e exercite diariamente. Evite reclamações e seja mais grato.
  1. Aceite a mudança: a alteração da rotina pode chocar em um primeiro momento, porém ter uma outra perspectiva ajuda a enxergar as possibilidades e conquistas da vida de maneira positiva.

Assim, mantenha hábitos com os quais você se identifica e tragam resultados positivos em sua vida. Quer saber mais sobre o assunto? Então assista ao novo vídeo do Conexão Ilimitada!

Compartilhe

Assista também