O Ministério Público do Trabalho (MPT) em São Paulo assinou um pacto com algumas das maiores empresas de recrutamento do país a fim de aumentar a contratação de negros para vagas de início de carreira –tais como como estágio e trainee.

A informação é da coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, segundo a qual empresas como 99jobs, Empodera, CIEE, Cia de Talentos, Nube e EmpregueAfro estão entre as signatárias do acordo.

O documento integra um projeto que o órgão começou a tocar nos últimos meses. Desde então, já teve a adesão de agências de publicidade e escritórios de advocacia.

Para dois anos, estima o MPT, a meta é aumentar em 30% as contratações de jovens negros nas empresas.

Menos de 5% dos cargos executivos nas 500 maiores empresas do país são ocupados por negros, atualmente. O dado é de estudo do Instituto Ethos, no qual o MPT-SP se baseia.

 

Compartilhe