De acordo com o Núcleo Brasileiro de Estágios (Nube), os testes ortográficos e redações são as categorias avaliativas que mais reprovam candidatos em vagas de emprego e estágio. E só para reforçar, foram registradas 309.157 redações com nota zero no Enem 2017 e apenas 53 pessoas tiraram nota máxima em um total de 7,6 milhões de inscritos.

Alguns especialistas, entretanto, atribuíram o baixo desempenho do Enem 2017 ao tema específico da redação (Formação Educacional de Surdos), porém os números não diferem muito das edições anteriores do exame. O número de redações zeradas no Enem 2016 foi apenas 5,95% menor do que o registrado no ano seguinte. E as más notícias ainda não acabaram.

Na análise do Pisa, Programa Internacional de Avaliação de Alunos, o Brasil ficou na posição 59 no quesito leitura e interpretação de textos entre os 70 países avaliados (dados de 2016). Enfim, como constatado, a bandeira vermelha da educação já está erguida no país há muito tempo, mas as respostas governamentais para tantos fatos ainda são modestas.

Compartilhe