Os estudantes de qual curso recebem melhor no mercado de trabalho? Para responder a essa pergunta, o Nube - Núcleo Brasileiro de Estágios realizou a "Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2015". Os números revelam a média paga aos estagiários por empresas de pequeno, médio e grande porte no país.

O levantamento, realizado entre os dias 10 de outubro e 20 de novembro de 2015, envolveu 19.130 estagiários de diferentes níveis. Todos os participantes possuem contratos de acordo com as regras da nova Lei de Estágio, nº 11.788/08. Os resultados revelaram uma queda de 2,1% em relação a 2014. Atualmente, a média nacional é de R$ 949,31.

Uma diferença entre os sexos foi apontada: os rapazes recebem R$ 989,55, uma diminuição de 2,48%, se comparado ao ano anterior. Já para as moças o valor caiu para R$ 917,56 representando 2,13% a menos. Mesmo com o declínio, o gênero masculino ainda permanece com um ganho maior, diante do feminino. Contudo, essa variação não é ocasionada por conta de preconceitos do mercado profissional, mas sim pelo fato de existirem mais homens na área de exatas, uma das mais bem remuneradas, como engenharia, por exemplo.

Para o presidente do Nube, Seme Arone Junior, a pesquisa serve com um bom parâmetro para as empresas na hora de oferecer suas vagas. "Se você conhece quanto é pago para uma carreira, fica mais fácil realizar um planejamento e formar uma equipe motivada, pois a maioria das pessoas busca uma bolsa suficiente para pagar a mensalidade de sua faculdade", explica.

Em uma análise individual dos ensinos, os estudantes de superior recebem R$ 1.072,20, uma perda de 2,5% de 2014 para 2015. Já quem está nos demais níveis se beneficiou. No superior tecnólogo ocorreu um aumento de 2,7%, atingindo os R$ 975,50. O ensino médio técnico passou para R$ 759,14, ou seja, 1,7% a mais. Concretizando esse aumento geral de remunerações, por fim, temos o ensino médio, agora com R$ 615,67, uma melhoria de 3%.

Acompanhe a lista dos dez cursos mais bem pagos no Brasil, separados por nível:

Superior:

1 Agronomia  R$ 1.859,82

2 Economia  R$ 1.573,07

3 Ciência e Tecnologia  R$ 1.395,37

4 Engenharia  R$ 1.308,57

5 Química  R$ 1.282,32

6 Química Industrial  R$ 1.272,31

7 Relações Internacionais  R$ 1.211,45

8 Relações Públicas  R$ 1.133,80

9 Farmácia  R$ 1.089,65

10 Marketing  R$ 1.073,94

 

Superior Tecnólogo:

1 Tecnol. Comércio Exterior R$  1.106,75

2 Tecnol. Secretariado R$   1.076,17

3 Tecnol. Sistemas de Informação R$  1.046,24

4 Tecnol. Qualidade R$  1.023,66

5 Tecnol. Redes de Computadores R$  1.003,52

6 Tecnol. Informação R$  986,45

7 Tecnol. Gestão Financeira R$ 963,79

8 Tecnol. Marketing R$  956,69

9 Tecnol. Gestão Comercial R$  947,18

10 Tecnol. Logística R$  940,12

 

Médio Técnico:

1 Técnico em Segurança do Trabalho  R$   929,33

2 Técnico em Química R$  916,22

3 Técnico em Eletrônica R$  797,53

4 Técnico em Automação  R$ 778,12

5 Técnico em Mecatrônica R$  771,22

6 Técnico em Eletrotécnica R$ 769,67

7 Técnico em Mecânica  R$ 755,82

8 Técnico em Contabilidade  R$ 747,00

9 Técnico em Eletroeletrônica  R$ 742,66

10 Técnico em Logística  R$ 716,30

Arone Junior afirma ser fundamental a boa formação. "Ainda há poucas vagas em relação ao número de candidatos. A dica para quem quer conseguir ingressar no mercado de trabalho é o aprendizado contínuo e o investimento em língua portuguesa, um dos pontos mais cobrados em processos seletivos".

O presidente ainda reforça as vantagens das empresas ao contratarem estagiários. "Quando as organizações selecionam um jovem empenhado e dedicado, também saem ganhando. Investir no desenvolvimento dos estudantes é um diferencial e ajuda o país a formar bons profissionais".

Veja também:

Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2014

Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2013

Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2012

Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2011

Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2010

Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2009

Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio 2008

 

 

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Google+Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe