A expressão “vender o peixe” é comum para se referir ao instante de apresentação pessoal durante uma entrevista. Em outras palavras, mostrar quem você é, seu interesse na vaga e porquê deve ser contratado. Ser bem sucedido nessa etapa pode garantir seu futuro emprego. Pensando nisso, o nervosismo e a insegurança batem à porta, mas calma! Estamos aqui para te ajudar nessa missão. Quer saber como? Fique e descubra nesta matéria como se destacar no processo seletivo. 

O seu currículo pode ter concorrido com milhares de perfis antes de ser selecionado para a próxima fase. Sendo assim, é válido comemorar. Afinal, você gerou interesse e é compatível com a oportunidade. Porém, não pense em relaxar, agora é o momento de encarar o recrutador e até visualizar seu cargo de forma real. 

 

Aprendendo com os erros 

Para quem ainda não passou pela sua primeira experiência, não se assuste, vamos expor os erros corriqueiros com o intuito de te alertar, assim é possível prevenir-se. A jovem de 19 anos, Barbara Maria Akiyama, já participou de seis conversas com o intuito de aprovação e fez um comparativo. “No início eu fui com o básico, me baseei em alguns vídeos para a preparação, mas nada muito aprofundado e não sabia muito sobre a empresa. No entanto, em meu cargo atual, não só falei com a recrutadora, como tive mais dois encontros com os gestores. Dessa vez, consegui me sair bem nas três partes. Demonstrei meu conhecimento sobre a organização, mas também falei com propriedade sobre minhas qualidades e como poderia aplicá-las às necessidades do cargo”, analisa.

 

Para quem você vai trabalhar?  

O problema vivenciado no primeiro contato da auxiliar de importação com o mundo corporativo é apontado pela recrutadora do Nube, Rachel Silva Santos, como um dos motivos desclassificatórios. “A falta de preparo do candidato, fica evidente quando ele não se informa a respeito da corporação. É imprescindível entender se as funções e os benefícios atribuídos estão de acordo com as suas expectativas. Dessa forma, saberá com clareza as razões e o interesse em ser admitido. Chegar completamente alienado pode impactar negativamente na avaliação feita”, orienta.

Como forma de superar essa necessidade, utilize as ferramentas ao seu favor. Nós temos acesso à maior plataforma de pesquisa em nossas mãos, o Google. Um simples clique te direciona a diversas informações do contratante. Também, não hesite em consultar o Linkedin, essa rede proporciona uma gama de publicações e comentários. “Eu tento coletar o máximo de referências para usar ao longo da entrevista. Desse jeito, consigo demonstrar compreensão da cultura prezada pela companhia”, indica Barbara. Outro espaço dinâmico para buscar ainda mais instrução, é o próprio site Nube, lá você acessa materiais exclusivos, como o programa Minuto carreira, produzidos pela TV Nube, além de treinamentos completos e gratuitos para te capacitar. 

 

Não deixe o nervosismo te desclassificar

Mesmo sendo um aspecto previsto pela equipe de seleção, em alguns casos ele impede o pretendente de potencializar ou, até mesmo, concluir a sua exibição. “As frases não possuem finalização, as pessoas têm dificuldade na fala e tornam-se prolixas. O movimento corporal também pode ser um indicativo, com tremores, inquietação e uma postura rígida. Logo revelam a tensão”, adverte Rachel. 

A ansiedade é inevitável, mas ela pode ser controlada para não atrapalhar seu desenvolvimento. “Tento me concentrar e imagino estar em um bate papo como outro qualquer. É difícil, nem sempre consigo me manter o tempo todo firme, mas acredito ser razoável um certo nível de nervosismo, pois é normal”, orienta a profissional de importação. 

Outras dicas apresentadas pela especialista do Nube para essa situação são: 

  • Faça um planejamento em sua rotina para a entrevista;
  • Pesquise o trajeto, se for presencial e prefira chegar com antecedência. Na opção remota, separe um local adequado, sem barulho, iluminado e com boa conexão de Internet;
  • Ouça meditações ou músicas para relaxar;
  • Beba água;
  • Controle sua respiração. 

 

Veja as etiquetas estabelecidas e como se portar nessa situação

Não é preciso utilizar terno e gravata para passar uma boa impressão. Ao começar pela roupa, entendemos a evolução nas exigências da moda. Mesmo assim, a liberdade de se vestir deve ser adequada para contexto. “A vestimenta é um meio de comunicar sobre o perfil pessoal. “Ela atua, mesmo indiretamente, na primeira opinião”, confessa a colaboradora de recrutamento e seleção. Além de apresentar essa relevância, vejamos como não errar na escolha do look

  • Utilize cores suaves;
  • Evite roupas extremamente informais, como bermudas, regatas e estampas demonstrativas de gosto pessoal;
  • Fuja das vestes curtas, decotadas e apertadas nessa ocasião. 

A comunicação não verbal não é a única merecedora de atenção. Quando falamos, concretizamos por completo o nosso perfil. Para compor esse requisito positivamente, a linguagem formal é indicada. “Manter um discurso coeso e ético é fundamental. Além disso, ter um bom vocabulário ajuda a se destacar. Não é preciso usar palavras rebuscadas, mas sim, demonstrar um bom domínio da língua portuguesa. Assim, certamente, ele o auxiliará a expressar melhor as suas competências. Nesse caso, evite informalidades e gírias”, instrui a recrutadora. 



Como estar pronto para o inesperado? 

Nem tudo é como parece ser, esse estágio apavora o aspirante por sugerir espontaneidade. Como uma maneira de tranquilizar quem chega, Rachel conta um segredo. Existem perguntas padrão e  você pode esperar com a resposta na ponta da língua. Dois exemplos bem presentes são, “quais são seus pontos fortes e fracos?” ou “quais seus projetos profissionais para o futuro?”. Ela, então, esclarece: “Muitas questões levantadas na avaliação de emprego são baseadas em situações vividas. Logo, praticar o autoconhecimento, deixar a memória preparada para lembrar-se de situações desafiadoras ou de rápidas soluções pode te ajudar. Também refletir sobre suas forças e fraquezas te deixa preparado. Dessa forma, auxilia a segmentar com eficiência as habilidades correspondentes à posição”, afirma.  

Falando de uma situação diferente, Bárbara colocou em evidência uma dúvida surpreendente. “Em meu último teste, o RH questionou como a pessoa com mais amor por mim, me enxergava em algumas situações. Essa foi difícil de responder, pois eu não sabia qual seria a réplica. Eu admiti minha dificuldade e respondi descontraidamente”, conta. 

 

Buscar um feedback é importante?

Quem nunca ficou curioso para descobrir as anotações do avaliador? Na maioria das vezes, um e-mail agradecendo a sua participação deixa muitas dúvidas. Saná-las é o primeiro passo para se aprimorar. Procurar feedbacks fazem a diferença, agregam valor ao seu tempo e ajudam na carreira. “Quando solicitado, passamos orientações claras. Detalhamos as oportunidades de melhoria para a próxima chance e não deixamos de exibir suas qualidades, afinal, é sempre bom saber em quais aspectos tivemos uma boa avaliação” concluí Rachel. Portanto, não deixe de pedir uma explicação aos mediadores da fase. 

Já se sente mais confiante? Então, para não perder sua próxima posição de sucesso, baixe o aplicativo Nube Vagas, disponível nos sistemas android ou IOS. Cadastre seu perfil e ative as notificações! Na plataforma, você também pode encontrar outros conteúdos voltados ao tema empresarial. 

Fique ligado em nossas redes sociais, ser um seguidor no Twitter, Facebook, Instagram, Linkedin e Tiktok proporciona acesso a vagas inusitadas e uma abordagem descomplicada de assuntos importantes. 

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram , Tiktok e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe