Muitas decisões são difíceis de serem tomadas, ainda mais quando se trata de carreira. São inúmeras possibilidades: médico, terapeuta, músico, professor, palestrante, atleta, personal trainer, empreendedor, influencers, personal stylist, consultora de imagem e estilo, engenheiro e por aí vai. Então, como escolher? Se você é estagiário ou aprendiz, certamente já passou ou vai enfrentar essa fase. Fique ligado!

Por onde começar?

Todas as profissões têm pontos em comum: a realização, o sucesso e a paixão. Um especialista pode ajudar a alavancar esse discernimento ao identificar as habilidades e conhecimentos necessários para ter sucesso mais rapidamente. “O percurso engloba toda a vivência e experiência do indivíduo, as características, responsabilidades e ética, somando toda a trajetória: os conhecimentos, competências, habilidades como liderança, competitividade, capacidade de adaptação, resiliência, proatividade e a personalidade”, explica a especialista em empreendedorismo, marketing, comunicação, personal branding, mentoria de carreira, negócios e escrita para autores, Claudia Cardillo.

“Em minha mentoria eu priorizo organizar toda essa vivência para empoderar a imagem percebida pelo mercado, pois trabalhamos juntos na marca pessoal para ter reconhecimento público e êxito mais facilmente ”, complementa a expert. Por isso, vale a pena procurar alguém capacitado para te ajudar, se houver necessidade.

São várias vias para seguir. Veja:

Carreira vertical e horizontal - quando se quer trilhar uma jornada na mesma área, chama-se de caminho vertical, pois todo o conhecimento acumulado ao longo dos anos vai se somando, podendo até se tornar uma autoridade naquilo. Já, ao mudar completamente, com cursos em outra vertente se trilha uma horizontal, abrindo várias possibilidades paralelas.

Empreendedorismo - essa tendência é reflexo do novo momento, as pessoas estão inquietas com as escolhas atuais. Por isso a transição de carreira tem sido bastante procurada. Afinal, não é uma obrigação fazer a mesma coisa a vida inteira. Deve-se, sim, ir atrás da satisfação.

“Para identificar a missão de vida, olhe para trás e perceba quem a sua criança interior queria ser. Todos nós ouvimos perguntas como ‘o que você quer ser quando crescer?’”, sugere Claudia. Esse é só um ponto de partida.

Transição de carreira

Segundo o CEO da Digital House Brasil, Sebastian Mackinlay, essa mudança, independentemente da idade, exige muita disposição, flexibilidade e foco. “Antes é preciso conhecer bem suas opções. Saiba onde pisar, entenda como são os empreendimentos, seus anseios em alguém para determinada vaga e principalmente quais são as habilidades recomendadas ao trabalhador do ramo. Todos esses pormenores evitarão surpresas desagradáveis”, diz.

Então, a mentora listou algumas dicas práticas para isso. Confira:

1. Utilize todos os seus conhecimentos para analisar o mercado com esse olhar diferenciado do conjunto das suas experiências;

2. Antes de começar a projetar, pesquise e estude para atuar na nova empreitada;

3. Conheça a si mesmo, ouça sua voz interior, encontre seu propósito, seja único e desperte o interesse dos outros nisso.

“Para quem está passando ou pretende começar uma transição, aposte no networking. Se você alcançou a maioridade profissional, possivelmente, terá feito uma rede de contatos relevante. No entanto, se você mudar de carreira, quais são as chances de ela continuar te servindo? Esse é um requisito em qualquer cenário e pode te salvar quando fizer isso aos 50 anos”, complementa o CEO.

Para ele, é preciso atualizá-la. “Obviamente, ela não será toda descartada, mas será preciso ter novos relacionamentos. Você pode fazer isso usando as redes sociais e conversar com quem já passou por isso. Lembre-se: com ele, você pode conseguir indicações de vagas, recomendações e até mesmo conhecer melhor o mercado para o qual está indo”, finaliza Mackinlay.

Continue acompanhando nosso blog e as redes sociais, pois publicamos conteúdos diariamente e contamos com a participação de diferentes especialistas. Assim, você destaca seu negócio em meio ao mundo corporativo. Conte com o Nube!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe