Frequentemente ouvimos falar sobre o adoecimento mental potencializado com a pandemia. Essa conjuntura, diferente do vírus, não será contida com a vacinação. A Organização Mundial da Saúde (OMS) já alertou para o aumento da prevalência de transtornos psíquicos e como isso pode ter impacto a médio e longo prazo, mesmo após o fim da Covid-19.

Consequências da pandemia

Vários são os fatores responsáveis por tamanha proporção dos distúrbios. “A rotina do home office, por exemplo, gerou sobrecarga para grande parte dos profissionais, principalmente para quem se divide entre o ofício e os cuidados com a família. A dificuldade em estabelecer um limite de horário para o início e o término do expediente também contribuiu para o excesso de tarefas e a inevitável fusão entre vida pessoal e laboral”, explica o diretor de recursos humanos da Ticket, José Ricardo Amaro.

Nesse sentido, a Organização Mundial da Saúde (OMS) define o Burnout como uma síndrome resultante do estresse crônico proveniente do trabalho. “Existem três características comuns entre quem está lidando com essa condição: sensação de esgotamento ou exaustão de energia, aumento da distância mental ou sentimentos de negativismo relacionados ao serviço e produtividade reduzida”, expõe a vice-presidente de desenvolvimento de talentos da Intuit, Humera Shahid.

Para tentar amenizar a pressão, muitas áreas de recursos humanos (RH) se dedicaram a criar ações ou ampliar medidas já existentes de descompressão, apoio psicológico e outros tipos de suporte demandados pelos colaboradores. “Uma vez distantes e separados, as necessidades individuais dos funcionários evidenciaram a individualidade de cada um”, diz o dirigente.

Ou seja, companhias em todo o mundo estão explorando novas maneiras de tomar conta de seus funcionários. Sendo assim, Humera elencou algumas dicas para ajudar a enfrentar essa adversidade. Veja:

1. Identifique as prioridades nas quais se concentrar

O excesso de comprometimento é muitas vezes um resultado direto da falta de dizer “não” ou de limites. “A priorização é um desafio e nós aprendemos isso com essa pandemia. Na Intuit, conforme desenvolviamos maneiras de melhorar a experiência do time, os ouvíamos e, assim, decidíamos os próximos passos mais impactantes”, afirma.

2. Otimize o tempo

Onde está gastando suas horas e a energia no seu dia? Use técnicas como bloqueio de agenda para ajudar a estabelecer o foco ao longo do expediente. Quanto mais dividimos nossa atenção, menos assertivos nos tornamos. Segundo o neurologista, autor de diversos livros sobre o tema e pesquisador do Laboratório de Pesquisas Cognitivas do Inserm (Instituto Nacional de Saúde e Pesquisa Médica da França), Jean-Philippe Lachaux, o cérebro leva 25% mais tempo para completar atividades quando alternamos nossa concentração entre várias tarefas diferentes.

3. Faça pausas diárias

Seja trabalhando on-line ou presencialmente, tente fazer pausas a cada 90 minutos de trabalho intenso, pode ser uma corrida, uma alongamento, entre outros. Isso tem uma grande capacidade de ânimo e entusiasmo.

Para a vice-presidente isso é muito importante. “Sempre fui pensativa sobre o futuro, a minha ‘to do list’ e como faço para cumprir o máximo possível de obrigações. Por isso, me permitir fazer uma caminhada de 30 minutos no meio do dia foi difícil. Eu via isso como um luxo, mas agora penso nisso como algo necessário para minha concentração e bem-estar”, comenta.

4. Tire uma folga

O tempo livre pode dar a você a chance de relaxar e encontrar algo prazeroso. “Depois de entrar em contato com incontáveis funcionários, gerentes e líderes, criamos os ‘dias de recarga’, período de folga coletiva e remunerada coordenada em toda a entidade para todos se desligarem do trabalho, descansarem e alimentarem as baterias”, descreve Humera.

Portanto, zele por você! Acompanhe nosso blog e as redes sociais, pois publicamos conteúdos diariamente e temos opiniões de diferentes especialistas. Dessa forma, você se destaca no universo corporativo. Conte com o Nube!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe