As tecnologias digitais vêm transformando o mundo dos negócios em todo o globo e, no Brasil, não é diferente. A cada dia, empresas de diferentes portes anunciam iniciativas como novos passos rumo à sua transformação digital. São diversas as possibilidades, como contratar estagiários, aprendizes e funcionários. Também é possível adotar novas formas de executar tarefas e se relacionar com clientes. 

Contudo, restam as dúvidas: do que se trata esta jornada e como ela acontece, na prática? O que é preciso ter em mente, até antes de dar os primeiros passos, para ela ser bem sucedida? Por trás das novidades, em geral, existe uma visão de médio e longo prazos. “O objetivo é fazer as coisas de maneiras novas, mais eficientes e rápidas. Em comum, todos querem melhorar significativamente os resultados”, avalia Gustavo Cordoba, co-fundador da Inove Solutions.

Para ajudar no planejamento estratégico em TI (Tecnologia da Informação) e de determinação dos passos para uma jornada de digitalização de sucesso, Cordoba e o CEO da marca, Walter Troncoso, listam sete pontos considerados essenciais:

1 - Alinhe o porquê da “transformação digital” 

É importante definir os valores do empreendimento. Parte do problema com o termo é o fato dele significar coisas diferentes para cada pessoa. Pode-se implementar uma solução para uma necessidade pontual, sem ter sido algo profundamente estudado. A abordagem precisa ser oposta: identificar as necessidades e objetivos da entidade e construir uma estratégia para estabelecer o ponto de chegada.  

2 - Prepare-se para a mudança cultural 

Considere os times e objetivos empresariais como fundamentais. Isso pode mudar substancialmente os processos e gerar impacto na cultura organizacional. Por isso, o apoio e entusiasmo da diretoria são essenciais. O principal desafio não é de cunho computacional, mas humano. É necessário desenvolver uma mentalidade de equipe para uma governança forte, em uma abordagem na qual todos aprendem com os erros e se apoiam nos sucessos. 

3 - Comece pequeno

Essa tática é uma jornada, não um evento. É crucial identificar o primeiro projeto responsável por preparar o terreno para iniciativas futuras, pois podem ajudar a obter a adesão. A iniciativa é crítica para provar valor e garantir o sucesso de médio e longo prazo.

4 - Mapeie a execução 

Nas organizações onde os líderes pensam na estratégia como uma ação de apenas implementar tecnologia, há insucesso. Nesse ponto, é importante lembrar como, para obter êxitos, é vital começar com metodologias.

5 - Procure parceiros experientes

É comum instituições realizarem grandes investimentos para obter o melhor, mas não tanto assim para a escolha do parceiro responsável por tirar o plano do papel. Se os profissionais ajudando não tiverem senioridade no campo, haverá dificuldades. 

6 - Reúna feedbacks e refine conforme necessário 

Use as experiências a seu favor e aplique ajustes ao longo da caminhada. Nesse ponto, já tendo uma visão e base ampla, é essencial definir claramente os indicadores de desempenho para cada ação. Uma habilidade fundamental é conseguir se ajustar com agilidade. 

Essa atitude ajuda, inclusive, quem busca crescer profissionalmente. Lucas Silva, estudante de administração, adota uma postura aberta a devolutivas em seu estágio e até mesmo na graduação. “Quero saber quais são meus acertos e erros, porque acho mais fácil evoluir dessa forma”, conta. 

7 - Dimensione e transforme

Aproveite as oportunidades de melhorias. Quando os frutos se tornam tangíveis, é fundamental alavancar a conquista para impulsionar e gerar colaboração para as próximas etapas. O passo a seguir é expandir a transformação para outras áreas. 

De acordo com Trancoso, essa revolução eletrônica permite a utilização de ferramentas para criar resultados expressivos, integrando suas partes em um todo. “Ela ‘obriga’ todas as áreas da organização a se conectarem transversalmente, para a virtualização ser completa e eficiente”.

Você sabe o impacto da gestão no sucesso dos colaboradores?

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe