O segmento de startups continua em alta, mesmo em meio a instabilidades econômicas do país. Segundo um relatório da Sling Hub, nos últimos 5 anos, esses empreendimentos na América Latina receberam mais de US$ 36 bilhões em investimento. O mercado segue aquecido, porém ser uma empresa de destaque começa não somente com a ideia certa de negócio, mas também com um bom planejamento estratégico.

De acordo com Fernando Patara, sócio da 2Simple, estabelecer objetivos de maneira assertiva é a base para ter um crescimento sustentável. "Esse é o responsável por definir quais são as metas de uma marca e as estratégias para alcançá-las”, destaca. Entretanto, mesmo parecendo fácil, é importante ter um documento detalhado. 

Além disso, vale dizer como, ao contrário do pensamento comum, esses planos devem ser feitos sempre quando necessários. “Podem ser aplicados a cada três anos ou até mensalmente. Em especial em 2020, percebemos como o caminho pode ser alterado diversas vezes, de acordo com a necessidade da organização", explica.

Para ser um apoio para quem precisa fazer ou renovar essa estratégia, o especialista dá cinco dicas importantes. Acompanhe!

1 - Defina seu ponto de partida
                                                                                        
Antes de partir para seu plano, saiba de qual ponto está saindo. Faça uma análise juntamente com sua equipe de aspectos a serem melhorados e também incentive aquilo já tido como certo. Em geral, um levantamento sobre as forças, fraquezas, oportunidades e as ameaças.

2 - Defina objetivos
                                                                                        
Para trilhar o caminho é essencial saber onde se quer chegar. Qual é o seu objetivo? Defina suas prioridades para saber qual alcançar primeiro. Sua visão de futuro é financeira ou de marketing? Deixe isso claro para todos os colaboradores para eles também terem consciência de suas responsabilidades e colaborarem de maneira efetiva

3 - Analise o mercado
                                                                                        
Estude a concorrência, veja suas ofertas de serviços e produtos, além de entender suas falhas ou vantagens. Analise o mercado. Assim, você estará atento às oportunidades, uma maneira de ficar sempre um passo à frente.

4 - Saia do papel
                                                                                        
Momento de agir! Depois de definir direções, é hora de tirar tudo do papel e delimitar datas e responsáveis por cada ação. Não esqueça de documentar tudo, além de determinar as prioridades de trabalho, afinal algumas ações são mais relevantes em relação a outras para a conquista.

5 - Acompanhe o processo
                                                                                        
Não deixe de ficar por dentro dos acontecimentos. Após se movimentar, é indispensável saber como está o andamento e os resultados. "Faça reuniões com o time, se possível toda semana. O diálogo, a confiança e a transparência são fundamentais para uma execução de um trabalho bem sucedido", finaliza Patara.

Isso serve não apenas para o contexto corporativo, mas também no âmbito pessoal. Ao menos Fernanda Campos pensa dessa maneira. Ela estuda gestão de negócios e estagia na área e, animada com o futuro, se apoia no autoconhecimento para definir escopos. “Não sei do amanhã, mas gosto de fazer todo o possível para encaminhar minha vida para a realização dos meus sonhos”, conta.

Gostou? Defina seus objetivos!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe