O surgimento da arte é praticamente tão antigo quanto o do ser humano. No início, as pinturas rupestres já demonstravam a necessidade do indivíduo de se expressar. Com a evolução das técnicas e a transformação artística, diversas pinturas ganharam fama e o status de clássicas. Como toda tela tem uma história curiosa por trás, a curadoria de hoje separou algumas obras inspiradoras para você entender os motivos pelos quais são tão célebres. Vamos lá?

Todos os anos milhares de pessoas vão a Dresden, na Alemanha, para ver a “Madona Sistina”, uma das principais obras do Renascimento, pintada em 1512 por Rafael Sanzio. Em 1754, o rei Augusto 3º a comprou de monges italianos e a transportou para a Saxônia. Após a guerra, a pintura foi levada para Moscou, onde permaneceu por mais de uma década. 

Desenvolvido, em 1928, por Tarsila do Amaral, o “Abaporu” (homem comedor de gente, em tupi-guarani) não é somente a representação pictórica do modernismo brasileiro, mas também o carro-chefe do acervo do museu Malba, em Buenos Aires. O quadro foi vendido em 1995 para um colecionador argentino, tendo em vista a ausência de compradores no Brasil na época de seu lançamento.

A pintura do espanhol Diego Velázquez, de 1656, ilustra um dia comum na corte. Um dos detalhes mais chamativos é a presença do próprio pintor na imagem, ao lado esquerdo. Além do mais, são diversos elementos e é possível ver, inclusive, o rei e a rainha refletidos em um espelho. A tela, cheia de detalhes, foi esculpida com tinta óleo e está exposta no Museu do Prado, na Espanha

Na véspera de Natal de 1988, Vincent van Gogh foi encontrado ensanguentado em sua casa no sul da França. Ele havia cortado parte de sua orelha esquerda e entregue a uma prostituta em Arles, onde dividia um ateliê com Paul Gauguin. O autorretrato foi criado, em 1889, e por sua posição, o quadro foi feito diante de um espelho. Atualmente, é encontrado na Courtauld Gallery, em Londres.

Jan Vermeer foi um mestre da encenação, não somente por ter desenvolvido detalhadamente a cortina nessa obra. A pintura retrata a si mesmo e a Clio, musa da história. Ademais, também é exposto um mapa da antiga Holanda unida, reconhecido como um apelo nostálgico, pois o afresco foi elaborado entre 1664 e 1673, após a divisão do país. A tela já pertenceu a Adolf Hitler ao comprá-la de um conde austríaco. Contudo, depois da guerra, foi devolvida à Áustria pelos americanos e hoje é exibida no Museu Kunsthistorisches, em Viena

Claro, a mulher mais conhecida do mundo não poderia ficar de fora dessa seleção. Desde o final do século 18, a pintura está no Museu do Louvre, contudo, sumiu em 1911. A suspeita recaiu sobre Pablo Picasso e o poeta Apollinaire, ambos estiveram envolvidos em um furto de esculturas do museu. Entretanto, a culpa não foi comprovada e o quadro foi reencontrado dois anos depois. A verdadeira história é a seguinte: um operário italiano, trabalhador do Louvre, roubou a obra sem suspeitas e tentou vendê-la na Itália, quando foi descoberto.

Pintada em 1632, por Rembrandt, a obra traz a imagem de um corpo aberto com diversos homens o observando. Na época, só era permitido uma dissecação pública por ano, realizada no inverno para melhor conservação das partes, ademais, precisava de ser de um criminoso executado. Tais eventos raros eram acontecimentos sociais e reuniam a nobreza. Você pode conferir mais detalhes da pintura no Museu Mauritshuis, localizado nos Países Baixos.

Uma das obras mais conhecidas de Picasso, “Guernica” representa o bombardeio da cidade basca pelos alemães em 1937. Existe um diálogo por trás dessa arte, ao ver uma pequena foto do quadro no estúdio do pintor, em 1944, na Paris ocupada, um oficial alemão perguntou: “você fez isto?”. Logo, Picasso respondeu: “não, foram vocês.” O autor determinou ao Museu de Arte Moderna de Nova York a guarda da tela, até a democracia ser restaurada em seu país. Atualmente, está exposta no Museu Nacional Centro de Arte Reina Sofia, em Madrid

Você já conhecia alguma dessas obras? Estudou os artistas precursores de tanto conceito? É importante ressaltar: a cultura é sua aliada e um diferencial em qualquer ponto da sua vida, principalmente, no profissional. Por isso, é tão importante investir nesse repertório. Pensando nisso, venha investigar a fundo os museus mais curiosos e inusitados do mundo! Todos os finais de semana também postamos dicas de concursos e palestras para você reforçar o seu currículo. Aproveite! Boa leitura!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe