Por conta das restrições para diminuir a disseminação da Covid-19, as vidas de todos passaram por mudanças. A ideia era o isolamento social e, com isso, muitos estabelecimentos não podiam sequer abrir as portas. Dessa forma, foram feitas adaptações para continuar funcionando. Nesse contexto, os trabalhadores precisaram realizar suas atividades dentro de seus lares.

No início, foi uma obrigação, porém, hoje em dia, a maioria das pessoas deseja continuar nos modelos remoto ou híbrido. Segundo a pesquisa “Moldando a Experiência Humanizada”, 66% dos entrevistados gostariam de trabalhar de diferentes locais no pós-pandemia, 72% preferem a opção do home office e 40% tem o interesse de operar em espaços terceirizados, como cafés e coworkings.

Essas tendências apontam para um mundo corporativo cada vez mais flexível e confortável. As empresas devem estar mais alinhadas com os desejos de todos os seus colaboradores, tornando o ambiente mais produtivo e transformando os escritórios em locais de aprendizado e troca de informações entre equipes e parceiros.

O trabalho híbrido

Com esses modelos se tornando mais comuns, os gestores precisam estar atentos a alguns pontos. Não será necessário estar presente todos os dias e alguns grupos coincidirão no escritório em diferentes momentos. As reuniões presenciais serão ocasiões de troca de vivências, nos quais os membros compartilharão suas dificuldades e melhores práticas e aprenderão uns com os outros. Os bate-papos serão produtivos e cheios de ideias.

“As organizações precisam redesenhar seus formatos. Será indispensável encontrar o equilíbrio entre as necessidades individuais, como concentração e privacidade, e a interação colaborativa entre os times, em espaços de convivência para estimular a criatividade”, explica o presidente da JLL, Washington Botelho.

Melhorias e cuidados necessários

Ainda sobre o levantamento, ele aponta seis principais tipos de espaços para as corporações levarem em conta e, assim, estreitar a proximidade dos colegas:

- Socialização: cafés, lounges e terraços onde as pessoas possam se encontrar e conversar;

- Conexão com a Natureza: áreas abertas e externas, como jardins e hortas;

- Concentração: locais dedicados a focar no trabalho, como cabines telefônicas e salas de foco;

- Aprendizagem e Desenvolvimento: centro de treinamento, cyber café e biblioteca;

- Criatividade: espaços para trabalhos em grupo, como salas para brainstorming e laboratórios de inovação;

- Colaboração: para apresentação de projetos.

“Essa é uma boa oportunidade para as companhias mapearem as reais necessidades de seus membros. O escritório deve ser repensado levando em conta a cultura da instituição e o perfil de quem vai utilizar aquele espaço. Para cada empreendimento haverá um desafio diferente”, analisa Botelho

Além disso, existem outras preocupações para os dirigentes. A saúde mental de todos foi muito prejudicada nos últimos meses e será necessário um cuidado com esse aspecto. É fundamental perceber a dificuldade de um subordinado e ajudá-lo. Outro problema comum é o excesso de trabalho por muitos não separarem o ambiente profissional do pessoal por estarem em casa.

Para manter o desempenho, é preciso proporcionar a todos uma boa condição. Nesse sentido, deve-se oferecer bons equipamentos, garantir uma Internet de qualidade, educação e atualização constante de todos. O gerente da Deel, Cristiano Soares, destaca: “bons aparelhos, sistemas acessíveis, cursos de especialização e outros, são ítens essenciais para uma alta performance”.

A relação da população com o emprego mudou e daqui para frente, será diferente. Por isso, é importante todos os empresários estarem ligados nas novidades e adaptarem seus negócios para o mundo moderno. Caso busque novos talentos para ajudar nesse processo, conte com o Nube!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe