Com o momento vivido nos últimos meses, precisamos passar por adaptações em todas as áreas de nossas vidas. Medidas para a contenção da disseminação do vírus foram adotadas e provocaram o fechamento total de escolas. Uma retomada mais abrangente das atividades presenciais começou a partir do segundo semestre de 2021. Segundo relatório do Banco Mundial, cerca de 1,5 bilhão de estudantes ficaram fora das salas de aula em mais de 160 países.

O ensino remoto no Brasil

Apesar da adequação ao sistema de educação remoto emergencial, a crise pandêmica acentuou algo já deficitário no país. Para Wandreza Bayona, diretora executiva do Instituto Ser +, a educação básica influi diretamente na construção profissional do jovem. “Lidamos frequentemente com os impactos provocados pela desigualdade social na aprendizagem. Porém, além dessa questão, temos o fator extra causado pelo Covid-19”, afirma.

Para a especialista, a transição das aulas para o ambiente virtual em um curto espaço de tempo, resultou em adolescentes despreparados para pleitearem uma vaga de trabalho ou até mesmo terem condições básicas de ingressarem nas universidades. Afinal, nem todos tinham recursos e infraestrutura para acompanhar as aulas on-line. A falta de interação entre aluno e professor também compromete o aprendizado.

Dados da Pnad Contínua publicados pelo IBGE registram recorde da taxa de desemprego no ano de 2020, especialmente entre jovens de 18 a 24 anos, correspondente a 29,8%. Seis pontos acima de 2019 e o maior índice desde 2012. A falta de experiência é o maior agravante, dificultando uma colocação profissional. Wandreza já nota na prática o resultado dos últimos meses. "Eles precisarão enfrentar uma lacuna ainda maior para terem um futuro mais igualitário e competitivo no mercado de trabalho”.

A especialista cita algumas dicas para esses discentes seguirem:

Capacidade de escrita: ela sugere uma diminuição na nas redes e investimento de uma parte do tempo em leitura de matérias sobre temas atuais, livros com linguagem mais robusta e, pelo menos uma vez por semana, escolher uma temática para escrever um texto. Começando por algo do seu gosto e partindo para assuntos menos comuns no cotidiano.

Raciocínio Lógico: as aulas de matemática vão além do cálculo. Auxiliam no estímulo ao raciocínio lógico e proporcionam a capacidade nas tomadas de decisões e elaboração de estratégias em qualquer segmento corporativo. Jogos como caça-palavras, sudoku e xadrez são muito úteis nesse sentido.

Comunicação oral: saber se expressar é fundamental para qualquer relação social. Seja com a família, com um recrutador ou colegas de trabalho.

Comportamento e questões emocionais: viver em comunidade é uma tarefa importante para o desenvolvimento humano. Esperar a vez do outro, respeitar hierarquias, saber se posicionar e lidar com suas frustrações e ansiedades, sem prejudicar as relações é necessário para uma vida adulta. O jovem precisa da capacidade de lidar com as lapidações necessárias.

Segundo o estudo Global Student Survey, com 16,8 mil estudantes de 18 a 21 anos em 21 países, 76% dos universitários brasileiros declararam ter piorado a saúde mental com a pandemia, tornando o território com maior índice. Desses, 87% apresentaram aumento de estresse e ansiedade.

Segundo Bayona, a faixa etária de maior risco emocional é a juventude. “Nessa fase da vida, além das mudanças hormonais, passam pelas indecisões de escolha de carreira e a espera do tão sonhado primeiro emprego.”

Portanto, não fique para trás! Se prepare e recupere o tempo perdido. Isso pode fazer muita diferença na hora de você concorrer a uma vaga de estágio. Se está em busca de uma oportunidade, visite o nosso site ou baixe o nosso app.

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe