A diversidade e inclusão tem ocupado um lugar importante na pauta das corporações. Contudo, é preciso garantir um processo efetivo, com uma intenção genuína no movimento, ao invés de uma meta ou um projeto institucional. Então, qual a melhor maneira de estabelecer o diálogo? Tendo times diversos, com negros, brancos, indígenas, pessoas 60+, mulheres, homens, gays, lésbicas, trans, etc. Enfim, a rica pluralidade existente na nossa sociedade.

Um ambiente múltiplo é mais motivador!

Olhando para questões sociais e econômicas no nosso país, percebemos a nossa realidade muito mais diversa quando comparado aos funcionários da maioria das empresas. Ou seja, se a nossa estratégia corporativa não dialogar com essa diversidade, certamente nosso cliente ou consumidor final será deixado de fora. Por isso, a mudança deve ser de dentro para fora, começando pela maior multiplicidade de seres humanos nos quadros colaborativos.

Nesse sentido, as lideranças “cegas”, as quais não se empenham para estabelecer um ambiente verdadeiramente diverso viram obsoletas, comprometendo táticas de sucesso e colocando em risco o próprio resultado do negócio. “Também, cabe a todo colaborador almejar e garantir um universo heterogêneo. Essa missão não está restrita ao RH”, analisa o diretor de acesso ao mercado e relações públicas da Medtronic, Renato Arruda.

Segundo estudo da consultoria americana McKinsey, organizações com mais mulheres em cargos executivos apresentam mais chance de terem lucros acima da média comparando com aquelas com pouca variedade de gênero. O ganho pode ser até 33% maior.

Pensando nisso, listamos, junto com o Olist, algumas ações para servir de inspiração para uma instituição mais inclusiva. Veja:

Racismo

Em meio aos protestos de Black Lives Matter e vários relatos de racismo vindo à tona na mídia mundial, que tal convidar membros do seu time para compartilhar conteúdos educativos sobre racismo? Juntem dicas de livros, vídeos, séries e filmes. Certamente, será um espaço de muita troca de conhecimentos.

LGBTQIA+

Junho é considerado o Mês do Orgulho LGBTQI+. Então, organize ações sobre o tema ao longo do mês. Deixe a criatividade rolar: uma sessão de cinema com filmes relacionados ao assunto, dinâmicas, etc.

Saúde Mental

Diante de um momento delicado da pandemia, repasse conteúdos informativos com dicas para melhorar o humor e cuidar da saúde mental. No Nube, por exemplo, o núcleo de treinamentos preparou o #onubecuidadevocêemcasa. Eles organizam lives de alongamento, meditação, etc. Tem sido uma experiência enriquecedora para nosso time.

Machismo

Quer uma dica para um talk produtivo sobre o assunto? “Você NÃO acha isso machismo? Mas é!". A Olist trouxe a pesquisadora, especialista em Diversidade e Inclusão e consultora na ONU Mulheres, Tayná Leite, para ministrar um workshop para os líderes. A proposta foi conscientizá-los sobre atitudes machistas, as quais não são identificadas facilmente por conta do nosso viés inconsciente.

Pressão estética e gordofobia

Divulgue para o público interno, ensinamentos sobre gordofobia e pressão estética, pontuando como a mídia influencia a sociedade nesses aspectos. Nesse caso, uma mesa-redonda abordando biotipo, cor de pele, tipo de cabelo, etc, é bem construtivo.

Pessoas com deficiência

De voz ao seu time! Deixe-os compartilharem experiências e discutirem o papel da sociedade na inclusão de pessoas com deficiência (PCDs), especialmente no mercado de trabalho.

De acordo com a analista de endomarketing e employer branding do Olist, Rhayana Souza, este ano a instituição vai atuar em cima de seis pilares: canal de denúncias, time diverso, treinamento para gestões, mão na massa e como ajudar o time a colocar os aprendizados em prática, onboarding de líderes, cartilha de diversidade. “O grupo está elaborando um guia de educação básica com explicações didáticas para ser entregue no onboarding de novos olisters junto com o Manifesto Olist pela Diversidade, parte do kit de boas-vindas”, explica.

Gostou das sugestões? Então, acompanhe nosso blog e as redes sociais, pois publicamos conteúdos diários com a participação de grandes especialistas. Conte com o Nube!

Sua empresa preza pela diversidade?

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe