O novo ano chegou como uma chance de recomeço para muita gente. Um dos fatores mais simbólicos de início de um ciclo é a conquista de uma oportunidade. Entretanto, como alcançar essa meta em um período tão turbulento? 

Carolina Assis, estudante de marketing, encontra dificuldade para lidar com o clima de tensão e competição. Por isso, ela é precavida. “Normalmente eu faço uma pesquisa aprofundada sobre a empresa e as funções da mesma no mercado, além das atividades do cargo a ocupar”, conta.

Dicas

Luana Matos, Diretora de Recursos Humanos da Divisão Brasil da Arcos Dorados, maior franquia independente do McDonald 's no mundo, com sede em Barueri (SP), traz dicas valiosas para quem está em busca da vaga dos sonhos. A executiva está à frente da gestão de pessoas em uma das maiores empregadoras e formadoras de mão de obra no Brasil, com cerca de 50 mil funcionários. Confira:

1. Defina seu objetivo 

“É preciso desenvolver o autoconhecimento para ter clareza sobre o caminho profissional o qual te trará maior propósito e sentido de realização. Dessa forma, você trabalha com afinco suas competências técnicas e socioemocionais, as quais dizem respeito à prontidão para lidar com desafios e ter habilidade e empatia no relacionamento com os outros, além de competências de liderança para as posições de gestão”, afirma.

2. Adapte sua apresentação ao mercado

De acordo com Luana, o currículo ainda existe para muitas chances e deve ser claro, fácil de ler, com todas as realizações relevantes de sua vida corporativa sendo descritas de forma concreta, com entregas e resultados. Também deve conter resumo de suas qualificações técnicas e competências socioemocionais, sem exageros, sem erros gramaticais e com todas as informações verdadeiras. 

“O conteúdo do seu currículo ou formulários preenchidos em sites de oportunidades/corporações deve estar conectado com a vaga desejada. Assim, vai saltar aos olhos do recrutador e ser captado por programas de computador os quais geralmente são usados como primeiro filtro. Por isso, leia atentamente a descrição da chance e veja quais aspectos podem ser enfatizados para a conexão ficar ainda mais visível. Contudo, é cada vez mais comum outras formas de apresentação, como vídeos, links para redes sociais e outras plataformas digitais”, indica a especialista.

3. Atenção se a entrevista for virtual

“É importante praticar conversas por vídeo. Uma dica é se gravar no celular, por exemplo, para observar sua forma de comunicação, pois como não haverá a interação pessoal, tudo ficará restrito a como você será percebido por vídeo. Seja pontual e teste antes o link para a entrevista virtual, para tudo funcionar bem na hora e não te causar nervosismo desnecessário”.

4. Prepare-se para a entrevista

Luana orienta: é sempre bom ir para a reunião sabendo ao menos um pouco da história da companhia, conquistas, desafios atuais e seus líderes. “Falar com quem trabalha lá, para entender melhor a cultura organizacional, também pode render dicas valiosas. Esteja preparado para narrar sua trajetória na linha da situação, tarefa, ação e resultado (método STAR) e responder às perguntas de forma precisa e segura, com noção de tempo e seguindo o ritmo do entrevistador. Demonstre entusiasmo e vontade genuína de abraçar o novo projeto”, assegura.

5. Espere a hora certa para questionar o salário

“Dependendo do cargo e organização, o salário já é claro desde o primeiro momento e não há dúvidas. Em outros casos, pergunta-se qual foi seu último salário e/ou pretensão salarial. Entretanto, só no final do processo seletivo o novo salário será discutido. Portanto, não aborde questões salariais durante a conversa. Aguarde as dúvidas para quando essa etapa chegar. A vaga em si e as possibilidades de crescimento são mais importantes neste momento”.

6. Faça perguntas pertinentes

“Geralmente, no final do diálogo, há um espaço para perguntas do candidato, as quais devem estar relacionadas à instituição e às expectativas com relação à posição em aberto. Procure evitar muitas indagações. Faça poucas e boas questões, na medida certa”, explica Luana.

7. Evite o drama

“É preciso deixar de lado os conflitos de experiências anteriores não questionados pelo recrutador e sem relevância para a nova função. Fique atento, do ponto de vista mental e emocional, para demonstrar: você está nas melhores condições de superar os desafios da vida, evitando trazer para a reunião questões particulares as quais não contribuem em nada para o processo seletivo”.

8. Seja sincero

“A sinceridade é muito importante em uma entrevista, inclusive, caso seja perguntado sobre pontos de desenvolvimento ou desligamento de outra corporação os quais te trouxeram aprendizados. Apenas evite falar qualquer coisa depreciativa sobre outras companhias ou colegas com quem já tenha trabalhado. Se você não tem ainda muita bagagem profissional, demonstre a disposição de quem está começando. Os empregadores valorizam muito um candidato com boa atitude, alinhado aos seus valores, com mentalidade de crescimento e com perfil inovador e proativo”, destaca a diretora.

9. Controle o nervosismo

Para Luana, até o mais experiente profissional pode ficar nervoso durante uma seleção, especialmente se for em uma organização na qual ele deseja muito trabalhar. Por isso, o melhor é aprender a lidar com essa emoção natural de quando nos sentimos pressionados em passar a melhor imagem e nossa experiência em um curto espaço de tempo. 

“Preparar-se mentalmente antes é fundamental: boa noite de sono, alimentação saudável, programar-se para evitar atrasos, pesquisar muito sobre o negócio e a chance em questão, trabalhar a respiração antes da conversa para relaxamento e escutar com calma o selecionador são pontos valiosos. Lembre-se: você só conseguirá mostrar o melhor de si se estiver calmo”, diz.

10. Calma para esperar o feedback da empresa

“É importante ter serenidade para aguardar algumas semanas enquanto o processo estiver em andamento. Fazer contato rápido demais demonstra ansiedade”, indica Luana. Em resumo, prepare-se, pense positivo e demonstre abertura e entusiasmo para sua nova oportunidade de carreira.

Como você se prepara para uma entrevista?



Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe