A busca por formas de trabalho mais ajustáveis segue como um dos principais desejos das pessoas quando o assunto é a maneira de atividade laboral, mesmo no cenário trazido pelo coronavírus. É o resultado de estudo global realizado pela ADP Research Institute, com profissionais de quatro continentes.

Preferência por autonomia

A pesquisa, realizada nos cenários pré e pós-Covid-19, indica: na primeira edição, entre os profissionais entrevistados no Brasil, 18% afirmaram preferência por atuar em um serviço freelancer, caso tivessem esta escolha. Já na segunda consulta, efetuada em junho deste ano, essa porcentagem subiu para 20%.

Segundo a vice-presidente de Recursos Humanos da ADP na América Latina, Mariane Guerra, as pessoas estão, cada vez mais, valorizando jeitos de trabalhar capazes de permitir um maior equilíbrio entre vida corporativa e outras atividades as quais lhes interessam. Por isso, é natural vermos um incremento de formas laborais mais flexíveis. 

“De acordo com um outro dado trazido pelo levantamento, com o avanço das novas tecnologias, as quais permitiram aos trabalhadores executarem com facilidades as suas atividades remotamente, os gestores também, estão mais receptivos à implementação de modelos de ofício as quais possibilitem maior tempo livre aos funcionários”, pontua Mariane. 

Trabalho flexível

A porcentagem de brasileiros afirmando: suas empresas possuem uma política oficial a qual permite labuta flexível quase dobrou na comparação com a primeira edição do estudo, passando de 27% dos entrevistados para 50%. 

A primeira parte da análise foi realizada entre os meses de novembro e dezembro de 2019, e ouviu 32 mil pessoas, em 17 países do mundo. Já a segunda edição, ocorreu entre os meses de maio e junho deste ano, portanto, pós-coronavírus. Nesta, foram coletadas as respostas de 11 mil empregados, em seis países (Espanha,Reino Unido, EUA, China, Índia e Brasil), selecionados como representativos das regiões Ásia-Pacífico, Europa, América do Norte e América Latina, para as atividades comparativas.  

Freelance é alternativa

Com a crise, muitos funcionários acabaram desligados de suas corporações. Assim, quem preferiu seguir em sua área de atuação ao invés de investir em outras alternativas, passou a oferecer serviços on-line, como de consultoria e aulas, por exemplo. Afinal, além do retorno financeiro, há também uma retomada de conhecimentos e aperfeiçoamento profissional. Quem tem habilidades específicas, como cozinhar, pode fazer disso, agora, um hobby com geração de renda.

A fim de se manter saudável nesse período e modalidade de atuação, é preciso levar em conta alguns cuidados. Ter boas horas de sono, uma alimentação de qualidade, e praticar exercícios físicos pode ajudar a minimizar o impacto do estresse e manter a ansiedade e a depressão bem longe. 

Responsabilidade das empresas

Nesta pandemia global pela qual estamos passando, os cuidados com a saúde da equipe, seja ela física ou mental, devem ser priorizados. Para isso, o líder deve manter contato constante com o grupo e reportar os principais pontos ao RH a fim de, juntos, encontrarem as melhores ferramentas para fornecer todo o apoio necessário para os trabalhadores.

Qual é sua opinião sobre esse assunto?

Mais dicas

Quer ver mais dicas como essa? Então, continue acompanhando as atualizações aqui do blog! Diariamente publicamos novos conteúdos sobre carreira, mundo corporativo, mercado de trabalho, educação, estágio, aprendizagem e muito mais! Também recomendamos exposições, concursos e cursos para você participar. Nosso objetivo é ajudar você a crescer pessoal e profissionalmente. Conte com o Nube!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe