Muito além do home office, o atual cenário diversificou o modo como as empresas se relacionam com candidatos a vagas de emprego. Apesar da avaliação do perfil on-line ser uma prática comum mesmo antes da pandemia, a nova condição fez muitas organizações buscarem adaptações também dos processos seletivos para as plataformas digitais. O Nube, por exemplo, é uma dessas instituições, você sabia?

Candidatos antes preocupados com o deslocamento até o local da entrevista, agora devem se atentar ao teste de conexão de Internet e buscar um cenário neutro e tranquilo para realizar o processo dentro de suas casas. A analista de Recursos Humanos, Ana Cláudia Chauvet, dá dicas valiosas sobre como se mostrar aos recrutadores de forma assertiva e obter resultados na busca pela recolocação em cada uma das redes sociais.

O esperado dos candidatos nas redes sociais

Para a especialista, independentemente da rede, espera-se do candidato mostrar o seu caráter, como ele é de verdade. “O ideal é manter a postura, mas o foco vai variar de acordo com a rede”, afirma.

Postagens em uma rede com perfil pessoal influenciam na avaliação do recrutador?

Segundo Ana Cláudia, o processo seletivo é restringido à carreira. Porém não se pode negar como algumas companhias verificam e podem levar em consideração o comportamento pessoal durante o processo seletivo: “por isso é importante ter cautela com a exposição”, aconselha.

LinkedIn, TikTok e Instagram

O LinkedIn, por exemplo, é uma plataforma exclusivamente profissional. “Contar cases reais, experiências no trabalho e compartilhar conteúdos técnicos da área a qual pretende alcançar são práticas capazes de aumentar o seu engajamento e chamam atenção dos recrutadores”, sugere.

O TikTok é uma rede mais rápida, onde os conteúdos são mais curtos e com perfil mais divertido. “É necessário ter feeling para identificar quais questões cabem ou não para a sua área”, comenta Ana.

Já o Instagram é mais flexível e a plataforma é utilizada para diversas finalidades. “Na minha conta, por exemplo, eu compartilho informações da minha vida, mas também da minha carreira. Porém, é preciso encontrar um equilíbrio: se a pessoa só posta foto com bebidas alcoólicas tendo trabalho no dia seguinte, por exemplo, isso causa uma impressão muito negativa”, destaca.

Privacidade dos candidatos

Para a especialista, tudo depende da rede. “O Instagram, por exemplo, tem mudado sua personalidade, pois hoje existem pessoas ganhando dinheiro por meio dele. Porém, se a sua finalidade for de uso exclusivamente particular, não há problema em configurar a visualização das publicações somente para amigos”, diz.

Já no caso do LinkedIn, uma rede de networking, isso influencia na visibilidade do perfil. “Quanto mais exposição e engajamento, mais oportunidades o candidato terá”, afirma a gestora.

Entrevista on-line

Os processos digitais hoje se dão por meio de diferentes plataformas, como Zoom, Skype e Hangout. “É importante estar em um ambiente tranquilo, livre de ruídos ou interferências, e de preferência com um fundo neutro, livre de muitos objetos. Testar a conexão antes da reunião. Deixe um roteiro de entrevista próximo ao computador com os valores da empresa, informações da vaga e o seu currículo para consulta. Um copo de água também ajuda, caso o candidato tenha um familiar doente, por exemplo, ou qualquer outro fato é interessante avisar o recrutador no início da entrevista”, lista Ana.

O selecionador do Nube, Vitor Caique Moura, explica como apesar da tecnologia, os recursos são os mesmos das seleções presenciais: “ambas as entrevistas, física e virtual, avaliam o perfil do candidato. É muito importante ter uma conduta adequada, estar empenhado, ter uma comunicação clara e coesa”, afirma.

Para ele, existem muitas vantagens na modalidade: “os encontros ocorrem a distância por meio de ferramentas de chamada de vídeo. Eles não exigem a presença física, ou seja, possuem maior comodidade e economia de espaço e tempo.”

Você já realizou uma entrevista virtual? Faça seu cadastro no Nube e fique por dentro das dicas e orientações postadas no blog e em nossas redes sociais. Boa sorte!

Feira de Estágios Nube

Você já se inscreveu para a Feira de Estágios Nube? O evento será de 26 a 28 de outubro e contará com grandes empresas, instituições de ensino e palestrantes, todos unidos para oferecer uma vivência única para sua carreira. Você também poderá enviar seu currículo para as companhias de seu interesse, participar dos painéis ao vivo e palestras gravadas e aproveitar vários serviços exclusivos. Tudo isso de maneira gratuita e on-line. Além disso, serão oferecidos certificados de participação. Eles servem para suas horas complementares. Inscreva-se já: www.nube.com.br/feira-de-estagios-2020.

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe