Mesmo com a retomada gradativa, muitas empresas ainda mantém o home office, por segurança. Nesse contexto, não precisar se deslocar e enfrentar congestionamentos para começar a trabalhar é, em comum acordo, excelente. Por outro lado, a atuação remota também tem suas desvantagens: ela é um ambiente frutífero para a preguiça e a procrastinação. Então como lidar com isso? Continue lendo e entenda melhor sobre o assunto!

Como aproveitar ao máximo o trabalho em casa?

Muitos livros falam sobre como aumentar a produtividade e, em todos, há uma dica comum: dê cor às paredes. “Pode parecer estranho, mas é isso mesmo: a coloração do espaço exerce poder sobre a sua energia, criatividade e até mesmo seu foco”, afirma a designer de interiores e professora da Panamericana Escola de Arte e Design, Cecília Gomes.

Segundo a especialista, as cores interferem na concentração e no humor. Logo, aquelas muito vibrantes, como vermelho e amarelo, não são indicadas para as pessoas muito agitadas e com tendência a se estressar com facilidade. “Nesse caso, é melhor escolher pigmentações suaves, como azul e verde, pois elas têm como característica serem mais relaxantes”, explica.

Por isso, a professora elencou algumas dicas sobre como as tonalidades podem favorecer o teletrabalho. Contudo, é importante consultar sempre um profissional, para o projeto atender da melhor maneira as expectativas. Veja:

Azul - se a área operacional é espaçosa, o azul é uma excelente opção. Ele promove a sensação de confiança e, em momentos de tensão, ajuda a manter a pressão sob controle. Também é uma cor estimulante de comunicação e “em tempos de Zoom e Google Meet, vale a pena considerar esta possibilidade”, afirma a Cecília.

Amarelo - estimula a criatividade e traz energia, entretanto, é preciso tomar cuidado ao aplicá-lo, pois se utilizada em excesso, pode causar ansiedade. Nesse sentido, vale lembrar: os brasileiros são o povo mais ansioso do mundo segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Isso é, 9,3% da população sofre com o problema. Por isso, se a pessoa já é agitada, leva uma vida corrida, tem filhos pequenos e precisa produzir durante a noite, o mais indicado é pensar em um mix com outras cores menos vibrantes ou apostar no amarelo apenas em alguns objetos.

Verde - é ótimo para estabelecer o equilíbrio e manter a produtividade. Além disso, o verde estimula a participação, cooperação e a generosidade. De acordo com a designer, ele pode ser usado em paredes e também em objetos e móveis para ajudar a reduzir a tensão do espaço. Além do mais, acalma e eleva a harmonia.

Vermelho - esta é uma boa opção para áreas onde os indivíduos trabalham até tarde porque o tom estimula a atividade cerebral. O vermelho transmite também alegria e proximidade, deixando o recinto mais dinâmico e animado. No entanto, por ser muito berrante e deixá-lo mais irritado. O mesmo ocorre com o laranja. Então, o melhor é misturá-lo com outras cores.

Cinza - indicado para compor cenários em conjunto com paletas quentes, pois ele é psicologicamente neutro. Quando usado sozinho, tons claros de cinza não tem poder de estimular o desempenho, mas se somar a ele, pinturas mais vivas o efeito pode ser muito positivo. Já as tonalidades escuras, assim como o preto, são boas cores para alguns detalhes, pois proporcionam profundidade. “Todavia, o uso excessivo delas pode causar tristeza ou até mesmo depressão”, esclarece a docente.

Branco - ele cria senso de espaço e estimula a criatividade, principalmente se o local possui muita luz natural. Apesar disso, em espaços brancos, os sujeitos costumam se sentir inertes, calmos demais e sem motivação. Sendo assim, ele sozinho não é uma escolha inteligente para manter seu clima laboral.

Roxo - atua diretamente sobre o processo de respiração e ritmo cardíaco, estimulando a inovação, mas com um efeito de calma. Se utilizado em excesso, pode causar um efeito contrário. Então, o mais indicado é pintar apenas uma parede ou utilizá-lo em acessórios ou até quadros.

Portanto, a personalização do espaço também pode contribuir para uma rotina mais leve e divertida. “Levar o serviço para onde moramos já traz essa atmosfera mais íntima e confortável. Isso pode ser direcionado para nos manter ativos e felizes nessa atividade, com enfeites, cores e plantas. O importante é estar à vontade e ter incentivos. Tanto a iluminação quanto a decoração também compõem um bom cenário para videoconferências e reuniões”, indica a arquiteta, Cinthia Garcia.

Continue acompanhando nosso blog e as redes sociais, pois publicamos conteúdos diários com a participação de grandes especialistas. Quais as cores do seu ambiente ocupacional?

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe