A crise do Covid-19 é uma realidade e está afetando muitas empresas, contudo, outra questão muito importante é como essas entidades vão retornar ao trabalho. Já se deve ter uma preocupação com essa retomada principalmente em relação às questões de higiene e saúde no trabalho.
                                                                                   
Bem-estar é atenção imprescindível
                                                                                   
Todos os especialistas são unânimes nesse período em apontar como o mundo será diferente depois desse período complicado e isso terá impacto direto nas relações das pessoas e das cautelas em espaços comuns, como ocorrem nas companhias. "Os cuidados com o bem-estar terão uma importância muito grande nesse momento, serão necessárias tomadas de decisões rápidas. Isso acontece em relação a possíveis contágios e demanda de afastamentos", avalia Tatiana Gonçalves, sócia da Moema Medicina do Trabalho.
                                                                                   
Médicos especializados
                                                                                   
Ela explica: os Médicos do Trabalho são responsáveis pela saúde de milhões de profissionais da economia formal e, dessa maneira, caracterizam uma força especializada no enfrentamento do Covid-19. "Esses indivíduos ganham agora mais uma demanda, pois precisam estar aptos a realizar a triagem dos colaboradores com sintomas da Covid-19. Isso pode ser de forma presencial ou remota conforme a realidade de cada companhia ou clínica, contribuindo para diminuir a procura dos serviços públicos", explica Tatiana.
                                                                                   
Cuidados não são apenas com o corona
                                                                                   
Outra importante preocupação das instituições será em relação às demais enfermidades. "Passamos por um período de grande estresse, as pessoas estão com muita preocupação, assim é preciso estar atento com outros pontos, como distúrbios psicológicos e até reflexos dessa tensão no corpo", alerta a sócia da Moema.
                                                                                   
Limpeza dos escritórios
                                                                                   
Outra preocupação com as organizações será com a limpeza das áreas do empreendimento e isso deverá ser realizado antes da retomada. A frequência, a partir de então, precisará ser frequente, minimizando os riscos de contágios.

"Para os empresários é preciso estratégia, tendo de se preocupar com a higienização dos ambientes de labor. O primeiro ponto a ser levado em conta é como a empresa ficou durante esta quarentena. Muitas vezes, será indispensável um mutirão de faxina para garantir a higiene do local e preservar a saúde dos funcionários", explica Gabriel Borba, sócio da GB Serviços.
                                                                                   
O novo normal
                                                                                   
Ele explica como após essa pandemia, as coisas irão mudar, deixando claro o aumento da demanda acerca desse tema nos estabelecimentos. "Não adianta a equipe ficar de isolamento em casa e, ao voltar, se contaminar. Por isso, é preciso agregar novos conceitos em nossas atividades, não basta mais tirar só o pó da mesa", conta Borba.

Um ponto é certo: todos torcem para a retomada ocorrer o quanto antes, contudo, nada mais será como era. Veja os 5 elementos de liderança estratégica para impulsionar o novo normal. Já colocou esse cuidado em prática?

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe