Segundo um levantamento realizado pelo Sebrae, cerca de 600 mil micros e pequenas empresas fecharam as portas por conta da pandemia. Entretanto, o impacto não se restringe apenas aos negócios menores. Grandes segmentos industriais, desde limpeza e perfumaria até informática e eletrônicos, também declararam ter sido afetados fortemente pelo momento e precisam buscar alternativas para se restabelecerem.

Na companhia onde estagiava, em Campinas, Ana Carvalho passou por esse problema. “Teve um corte enorme no quadro pessoal e eu fui uma das dispensadas, infelizmente. Entendo como o período está tenso para os negócios, afinal, o poder de compra das pessoas está reduzido”, conta.  

Corporações estão enfrentando desafios inéditos e focar em uma recuperação positiva dos negócios é denominador comum entre todos os nichos. A velocidade de percepção do mercado e decisões bem fundamentadas são alguns dos conselhos de Daniel Narcizo Pereira, CEO do Instituto Embelleze, para seguir confiante durante esse período de incertezas.

1. Faça planos a curto, médio e longo prazo

Identificar como está o período atual da empresa resultará nas medidas a curto prazo. Ao tomar as ações necessárias para iniciar o processo de adaptação ao cenário novo o quanto antes, é possível seguir para os planos a médio prazo. Seguindo a manutenção de projetos e estratégias conforme pensado lá no início, é possível alcançar os objetivos estabelecidos para longo prazo. "Mudanças podem acontecer no meio do caminho, mas não devem alterar o escopo final", comenta o CEO.

"Agora temos as orientações de estarmos em casa, trabalhando nosso propósito de transformar vidas de forma segura. Quando for autorizado, retomaremos as unidades reabrindo de forma estruturada, repondo aulas sem custos. Internamente estamos trabalhando intensamente no novo modelo de ensino semipresencial: as escolas ganharão eficácia e o aluno muito mais dinamismo na aula", explica.

2. Conheça seu cliente

Segundo Daniel, entender as dores, necessidades e desejos do cliente é um passo sempre fundamental, mas em momentos de instabilidade, esse cuidado com quem está confiando no serviço oferecido precisa ser ainda maior. Assim, ambos podem se adaptar de forma conjunta, sem causar prejuízos de nenhum lado. "Se você é um empreendedor em tempos de crise, é bem provável ter uma parcela significativa dos seus clientes vivendo com salários reduzidos ou até mesmo sem renda durante os meses de isolamento. Uma ótima alternativa é pensar em estratégia, como oferecer um pacote fechado de serviços e flexibilizar o pagamento", aponta.

3. Prepare o caixa para imprevistos

Pensar em como seria a situação em hipóteses negativas é um dos exercícios mais eficazes quando se trata de preservar o caixa. Qual seria o tamanho do prejuízo se não entrasse nenhum dinheiro em um mês? E em dois meses? Meio ano? Projetar tais valores faz parte de um bom controle financeiro. Buscar soluções para gerar lucros e renda extra também é algo fundamental normalmente, mas em tempos tensos se torna uma das principais ações.

4. Invista nos recursos virtuais

Independentemente de qual for a área de atuação, a Internet com certeza poderá auxiliar para fortalecer os serviços e negócios. Desde a criação de um e-commerce até a publicação de conteúdos, aproveitar o momento de necessidade faz muita gente descobrir como os recursos virtuais realmente somam em qualquer setor.

O que esperar da retomada?

Especialistas no assunto indicam: a retomada da economia no país será lenta, mas ela não precisa acontecer de forma igual para todos. Para quem já está conseguindo se readaptar e acompanhar as mudanças do cenário atual, os impactos para o futuro podem inclusive ser positivos. "Com certeza muitas mudanças serão permanentes no futuro. No Instituto Embelleze, o investimento na nossa plataforma exclusiva tem crescido cada dia mais e ele continuará auxiliando todos os futuros profissionais mesmo pós-pandemia", finaliza o CEO.

Veja mais 4 dicas de gestão. Quais delas você já está seguindo?

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe