Já se perguntou como estão os processos de RH durante esse período de isolamento social? Em vista disso, a Spring Professional, especialista em recrutamento de nível sênior, divulgou o resultado de uma pesquisa para entender melhor esse cenário. Então, continue lendo e entenda melhor sobre o assunto! 

Cenário atual

O levantamento foi feito entre os dias 20 e 30 de abril com presidentes, diretores e gerentes de áreas de negócios ou Recursos Humanos de mais de 150 empresas de diferentes setores de mercado. "Durante as últimas semanas, temas relacionados a home office, papel da liderança e videoconferência têm sido abordados. No entanto, chegamos à conclusão: há um grupo relevante de pessoas mudando ou com pretensão em trocar de emprego. Logo, é muito importante termos informações sobre progressos em incorporações e onboarding, por isso, decidimos realizar essa pesquisa", comenta o diretor executivo da Spring Professional, Ricardo Rocha.

Nesse sentido, 51% dos segmentos seguem com o congelamento momentâneo de contratações e 30%, apenas, com procedimentos já em andamento. Contudo, 19% do total continuam admitindo normalmente. Dessas companhias, destacam-se as áreas de tecnologia, deles 23,33% alegaram ter mantido o ritmo de acordos profissionais pré-pandemia. Seguido dos segmentos de alimentos (20%), farmacêutico (13,33%), agronegócio (11%), industrial (10%) e logística (8%).

O estudo mostrou ainda 67% dos empreendimentos aspirantes em retomar integralmente as colocações congeladas. Por isso, mesmo com a impossibilidade de conclusão nesse tempo, seguem buscando candidatos e avançando as etapas iniciais de seleção. Assim, 20% são startups de tecnologia, 19% são do segmento industrial, 13% do setor farmacêutico, 10% do segmento de bens de consumo, 10% de bancos e serviços financeiros e 6% da construção civil.

Contratando remotamente

Para quem segue contratando normalmente há um desafio ainda maior: todo o sistema, em geral, 100% presencial sofreu adaptações, com a entrega de documentos, exames, integração, local de trabalho, por exemplo. Logo, 55% das corporações precisaram fazer mudanças significativas.

Segundo a gerente comercial da Assine Bem, Paula Sino, a assinatura digital e a gestão de documentos on-line, por exemplo, foram criadas para facilitar a vida do contratante e do empregado. “Afinal, a atual situação pede soluções seguras e práticas, possibilitadas, em grande parte, pela tecnologia. Só assim conseguiremos sair dessa crise com solidez e ainda mais fortes”, ressalta.

Além disso, surgem algumas dúvidas: como um candidato terá identificação com a minha marca sem frequentar o ambiente? O que fazer para atraí-lo? Como devo abordá-lo? Estas e outras perguntas fazem parte o “novo normal” em época de pandemia.

Embora muitas instituições tenham implantado planos de contingência para evitar maiores instabilidades durante a quarentena, ainda existem muitas questões a serem resolvidas. Inclusive, adequar a liderança com as renovações do mercado. Por conseguinte, investindo na comunicação e na melhoria dos serviços prestados.

Nessas situações, é necessário observar o lado positivo em meio às incertezas. “As empresas estão sendo obrigadas a se reinventar, acelerar a transformação digital e, acima de tudo, repensar estratégias de engajamento e retenção de profissionais", afirma Ricardo Rocha, Diretor Executivo da Spring Professional.

Portanto, “não podemos ficar parados no tempo. É preciso pensar sempre como podemos aprimorar e inovar. Apesar de tudo estar organizado e andando corretamente, é possível melhorar”, expõe o sócio da Officilab, Dr. Sérgio Giro.

Grandes interesses apontam novos caminhos a seguir, então, mantenha-se informado. Para isso, continue acompanhando nosso blog e as redes sociais, pois publicamos conteúdos diariamente e contamos com a participação de diferentes especialistas. Assim, você destaca seu negócio em meio ao mundo corporativo. Conte com o Nube!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe