As estimativas do início do ano para o crescimento da economia mundial tiveram uma reviravolta. Atualmente, a previsão de crescimento está mais próxima de zero, em alguns casos. Essa revolução tem nome: Coronavírus! Quais são as razões? Muitas incertezas de investidores, empresários e líderes. Entenda mais sobre esse cenário!

Tensão global

O novo vírus Covid-19 iniciou na China e se alastrou pelo mundo todo. A produção industrial dos chineses despencou 13,5% em apenas dois meses, segundo a Agência Nacional de Estatísticas. Ou seja, um grande impacto para a estrutura econômica global, sendo “sequencial como se fosse um dominó”, de acordo com o especialista em mercado financeiro, Eliézer Marins.

Efeito dominó atinge o mercado de trabalho

Assim, um dos desdobramentos já vistos nessa nova crise universal é no mercado de trabalho. O prejuízo pode deixar cerca de 25 milhões de pessoas sem emprego e aprofundar a pobreza no mundo, segundo a OIT - Organização Internacional do Trabalho. Logo, com uma perda de US$ 3,4 trilhões, só em 2020.

Isso, se transforma em quedas no consumo de bens e serviços também. Então, está é a hora dos governos intervirem e os bancos fomentarem o crédito aos empreendedores, visando diminuir os efeitos pós-crise. A especialista em crédito e consultora Yasmin Melo explica, “será necessário tomar medidas como diminuir as taxas da linha de capital de giro e aumentar os prazos de carência para o empreendedor conseguir se recuperar”.

Portanto, é preciso estimular o patrimônio comum e, assim, o emprego. Por meio do diálogo social, o envolvimento com trabalhadores e empregadores pode destravar o sistema produtivo decorrente das quarentenas e assim movimentar a nação.
Vamos nos mobilizar, o futuro do Brasil depende de nós. O Nube está com você!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe