Uma grande tendência no meio do RH para a seleção de candidatos é utilizar a inteligência artificial. As etapas longas e burocráticas estão sendo substituídas por processos mais tecnológicos. Você já participou de um processo assim?

São diversos os motivos comprovados da eficiência desse modelo no recrutamento, um motivo importante é economizar tempo e, com isso, dinheiro. Assim, os profissionais conseguem fazer conferências remotas de acordo com a sua disponibilidade.

Além disso, reduz custos dos pretendentes no deslocamento até o local e também da instituição com salas de reuniões e afins, em até 80%. A gestão de recursos humanos confirma os resultados com a melhor qualidade de contratação, logo, a diminuição do turnover.

Segundo uma pesquisa realizada pelo Nube, com cerca de 49 mil participantes, 65,7% deles ainda não fizeram uma vídeo entrevista para um processo seletivo, mas adorariam. Contudo, como muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre como funciona a dinâmica, trouxemos algumas orientações.

Como fazer?

A recrutadora do Nube, Adriane Taboni, alerta ser “necessário dar a devida importância à ferramenta”. Assim, as gravações podem ser o passaporte para a sonhada oportunidade de emprego, então é melhor se preparar.

Dessa forma, para mandar bem nessa primeira fase e se destacar, trouxemos cinco dicas:

  1. Vista-se adequadamente;
  2. Confira o equipamento - qualidade de vídeo e áudio - e a conexão da Internet com antecedência;
  3. Escolha um lugar apropriado, boa iluminação e silencioso;
  4. Prepare-se e estude sobre a empresa - entenda o seu segmento e sua posição em relação à concorrência, por exemplo;
  5. Cuide da sua apresentação pessoal - as corporações têm valorizado cada vez mais o personal marketing.

Contudo, “geralmente a filmagem é mais utilizada na etapa de triagem, sendo assim, os requisitos básicos são comunicação, postura e uma revisão das questões técnicas do cargo”, explica Adriane. A selecionadora ainda complementa, “é  preciso compreender o teor desclassificatório do modelo”.

O estagiário de Licitações, Milton Almeida, seguiu as dicas e conseguiu posicionamento no mercado. “Me preparei como sempre faço em entrevistas. Nessa, em especial, verifiquei se o notebook estava carregado e escolhi um lugar silencioso. Assim, procurei entender a vaga e a aplicação dela dentro do negócio e isso influenciou até na roupa para a entrevista, combinando melhor com o estilo da companhia”, explica Almeida.

Portanto, luz, câmera e ação, o Nube acredita em você!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe