Nas empresas, o papel de guiar e orientar cabe ao líder. Ele deve ter a capacidade de garantir o alcance dos melhores resultados por meio do direcionamento adequado da equipe. Assim, para exercer a liderança, é preciso definir qual tipo de dirigente se deseja ser. 

Os supervisores são especialistas em tomar decisões. Atualmente, já não há mais espaço para o autoritarismo e centralização por parte de quem ocupa o cargo. Afinal, já é de conhecimento comum o dano desse tipo de atitude para a produtividade. Assim, ser um bom gerente hoje é ter foco no time, incluir os liderados nas decisões, estratégicas e na construção de soluções e resultados. 

“É fundamental para quem gerencia não ter medo de ser superado pelo time, muito menos se tornar indispensável. Na verdade, o sucesso dessa posição é quando tem confiança para dar autonomia aos outros e passa inspiração suficiente para o barco andar sem ele”, afirma Geovana Mendes, consultora de RH em Brasília (DF).

Orientações

Veja 10 dicas de Marcia Sasdelli, especialista em Desenvolvimento de Carreira e Liderança:

1) Atualize-se! Estudar e aprimorar conhecimentos deve ser uma constante!

2) Conheça sua equipe! A importância desta ação é identificar qual a melhor posição de um profissional dentro do grupo, assim como suas principais habilidades e dificuldades.

3) Admita os próprios erros! Todos cometem deslizes e é normal. O verdadeiro coordenador assume suas próprias falhas e é solidário.

4) Seja exemplo! É preciso dar exemplos. Nunca compartilhe a ideia do velho ditado "siga minhas palavras e não minhas ações".

5) Atue com equilíbrio! Isso deve ser feito mesmo diante de um ambiente de pressão, pois se você age com estresse, seus coordenados também vão se estressar, a motivação diminuirá e, consequentemente, a produção será afetada.

6) Saiba estipular metas! O staff deve conhecer as metas a serem atingidas. Só assim serão entregues soluções eficientes e de qualidade.

7) Não faça críticas públicas! Se necessário chamar a atenção, isso deve ser feito sempre em particular. Estabeleça rotinas de devolutivas individuais. 

8) Tome decisões na hora certa! Posicione-se frente a questões mesmo se elas forem complexas para não passar uma sensação de insegurança e indecisão aos demais. Sempre com firmeza aliada à empatia. Uma demissão é uma resolução difícil de ser tomada e deve acontecer apenas quando todos os outros meios já foram utilizados (conversas, avaliações, capacitação etc).

9) Peça um feedback seu! É muito importante conhecer as expectativas e percepções dos funcionários sobre o seu trabalho. 

10) Treine e identifique talentos! Ao fazer isso, você é capaz de formar setores fortes de alta qualidade! Além disso, colaboradores submetidos a treinamentos evoluem e aumentam a motivação!

“Pare um momento para refletir sobre qual ponto você precisa se capacitar para se tornar um diretor melhor e capaz de alinhar as estratégias do pessoal com a da empresa! Aproveite para planejar suas próximas ações para evoluir na carreira”, finaliza Sasdelli.

Ser um líder é coordenar com respeito. Saiba cuidar de gente e tenha uma influência admirada. Conte com o Nube e boa sorte!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe