De acordo com estudo feito pela Associação de Marketing Promocional (Ampro), mais de 68% das corporações brasileiras já utilizam ferramentas de incentivo de forma estratégica para retenção de talentos. Portanto, a motivação interna reafirma-se como um dos pontos mais importantes para o crescimento empresarial. 

Quando empreendedores e líderes proporcionam aos empregados estímulos diferenciados na carreira, consequentemente ele se sentem realizados e parte do time. Esse fator contribui com o aumento da produtividade e, consequentemente, com a lucratividade da corporação. 

Por outro lado, ambientes de trabalho dominados pela pressão na excelência dos resultados provocam medo ou insatisfação na equipe. “Em diversas situações, algumas companhias acabam fazendo mal-uso dos investimentos os quais poderiam ser úteis para ações motivacionais, dinâmicas comportamentais, entre outros. Assim, criam gargalos os quais impossibilitam o objetivo dos gestores de aproximar funcionários e organização”, explica Rodolfo Carvalho, CEO da Incentivar.io.

Recomendações 

Na visão de Mariza Baumbach, especialista em carreiras do Rio de Janeiro (RJ), parte da motivação é interna. Contudo, os diretores devem compreender o quanto do externo tem influência sobre isso. “É um dos maiores desafios dos líderes, pois passa por todo o ambiente corporativo e pelo clima organizacional”, afirma. 

Assim, para fazer o colaborador se sentir parte da empresa e ser proativo, é necessário estar disposto a compreender como o mesmo enxerga a instituição. Depois disso, o caminho é organizar as estratégias para estimular toda o o grupo. Portanto, veja as dicas da especialista:

  1. Conhecer os trabalhadores: saber quem são e suas necessidades, ouvir mais atentamente. 
  2. Valorização profissional: dar suporte para o funcionário se desenvolver na carreira. Além de investir na capacitação técnica, cuidar também do aprimoramento comportamental.
  3. Propor desafios: são necessários para os contratados se sentirem mais estimulados. Pode ser feitos periodicamente, com direito a recompensa. 
  4. Promover um clima positivo: o estudo sobre o assunto é fundamental para entender as demandas de cada time. 
  5. Apresentar um feedback transparente e afirmativo: o staff precisa de um retorno constante sobre as atividades desempenhadas. Essa cultura gera maior estabilidade, possibilidade de acertos e maior produtividade.

“O desafio é criar estratégias para a gestão de pessoas, a fim de não  tornar o espaço de ofício em um campo de batalhas com uma competitividade excessiva e perdas de talentos”, finaliza Mariza.

Conte com o Nube e boa sorte!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe