Tolerância é uma virtude imprescindível ao se lidar com os outros, pois se baseia em respeito. Mesmo o outro tendo opinião contrária, é preciso disciplina para aceitar e superar o problema.

Estar em paz com o universo e maturidade são resultados da complacência, assim como o respeito mútuo de seus colegas para com você. Já como efeito contrário, nos envenena a mente, causando a amargura e a improdutividade.

“Principalmente em equipes, é normal os colaboradores carregarem personalidades e pensamentos diferentes e, para manter o bom relacionamento, é necessário respeitar essas discordâncias”, comenta Jairo Ferreira Filho, CEO da Master Mind Curitiba e Campos Gerais.

Tolerância

É uma das chaves para o êxito, de acordo com “A Lei do Triunfo”, best-seller de Napoleon Hill. No momento dos negócios é importante não deixar qualquer pré-conceito comprometer o andamento da transação, os valores éticos e profissionais devem estar sempre acima.

Empresas com essa cultura

“Não há bom funcionamento em uma organização sem o gestor prega a paciência com seus funcionários e motivar o mesmo comportamento entre eles”, conta Filho. Porém, ela também não deve se tornar um vício, pois pode te transformar em omisso e conivente.

Então, a inteligência emocional é a melhor arma nesses casos, pois ajudará a discernir até qual ponto é possível ser tolerante sem se prejudicar. Em todos os casos, o principal é entender e conhecer o indivíduo ao seu lado. “Um verdadeiro comandante deve passar confiança e inspirar” diz Madalena Feliciano, diretora do Instituto Profissional de Coaching – IPC.

Você está no caminho certo? Entenda mais sobre o assunto no link: “Capacitação para líderes”.


Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe