Você está ligado nos acontecimentos do Brasil e do mundo? Esse é um assunto cada vez mais relevante para as empresas e, portanto, é imprescindível saber como não ficar de fora da era da informação!

Internet domina

De acordo com um estudo realizado pelo Instituto Reuters, da Universidade de Oxford, a Internet é a plataforma principal de acesso a notícias, escolhida por mais de 91% dos entrevistados. Além disso, segundo a pesquisa “Consumo de Notícias do Brasileiro”, 78% dos respondentes afirmam utilizar as redes sociais como principal fonte para ficar antenado.

Riscos

Justamente nesse contexto digital, surgiu um assunto de muita relevância: as fake news. Com a democratização do acesso à informação, promovida nessa revolução tecnológica, todos podem criar suas próprias manchetes e espalhá-las, defendendo suas ideologias e crenças. O problema está justamente quando os fatos não são verdadeiros e isso pode prejudicar seu entendimento sobre o cenário social e político, tanto no país, quanto em todo o planeta.

Para a coach Jaqueline Barbosa, de Salvador, os perigos disso são inúmeros. “A primeiro momento, isso pode atrapalhar o seu desempenho em uma redação de vestibular ou até mesmo de um processo seletivo para uma vaga. Além disso, também pode prejudicar sua imagem. Principalmente em redes como o LinkedIn, se for disseminado um dado falso, suas chances de ficar mal visto são bem grandes”, alerta.

Atenção redobrada

Segundo uma pesquisa realizada pelo Nube, os jovens têm se atentado cada vez mais a esse tema, justamente para evitar deslizes desnecessários. Quando perguntados como lidam com as notícias falsas, 77% dos 35 mil entrevistados disseram sempre checar a fonte antes de comentar ou compartilhar com seus colegas.

Quem já passou por isso

Plínio Soares já caiu no erro de espalhar um boato e conta o impacto disso. “Vi uma notícia revoltante envolvendo a política nacional e me deixei levar pela emoção. Depois, tive a sorte de ver um amigo refutando a publicação, me corrigindo. Desde então tomo muito cuidado para não fazer mais esse tipo de coisa”, relata.

Portanto, fique ligado nesse assunto e evite constrangimentos desnecessários trazidos pela confusão provocada por esse tipo atitude. O Nube torce por seu sucesso!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe