Você já ficou confuso com as regras da lei para ser um estagiário? Se sua resposta for sim, essa matéria pode te ajudar. Afinal, compreender as normas é fundamental para aproveitar ao máximo oportunidades desse estilo e ainda desenvolver suas habilidades profissionais para criar um diferencial para o mercado.

O que diz a lei?

De acordo com a lei 11.788/2008, só pode estagiar quem estiver regularmente matriculado em uma instituição de ensino superior, médio, técnico ou EJA (Ensino de Jovens e Adultos). Portanto, esse tipo de admissão é voltado justamente para promover o aprendizado de quem mais precisa de chances de ingressar no ambiente corporativo.

Além disso, a mesma legislação garante: na modalidade não-obrigatória da prática, é mandatório o oferecimento de uma bolsa-auxílio, bem como de um auxílio-transporte. Já na obrigatória (para cursos da saúde, por exemplo), o oferecimento dessa contraprestação é facultativa.

Estágio não é emprego!

Se ainda te restam dúvidas sobre quanto você deve receber, é preciso ter em mente: estágio não é emprego, ou seja, as regras da CLT não se aplicam nesse contexto. Portanto, não há um salário mínimo. Mesmo assim, o Nube organiza a Pesquisa Nacional de Bolsa-Auxílio para dar um panorama geral de quanto é oferecido para os estudantes.

Média

Para quem está na faculdade, a média é de R$ 1.095,89 ao mês, quem está na escola técnica, R$ 767,90 e quem estuda no ensino médio, é de R$ 632,38. Nas graduações, algumas áreas se destacam, como Ciências Atuariais, Ciências Econômicas e Ciência e Tecnologia. As três configuram as melhores colocadas, com uma média acima de R$ 1.500,00.

Aprendizado

Para a consultora de RH, Diana Silva, de Brasília, procurar uma colocação desde cedo pode facilitar o desenvolvimento e o aprendizado profissional. “Quem ingressa no mercado já com menos de 18 anos, chega ao final da graduação com uma bagagem e um olhar diferenciados sobre o ambiente organizacional”, explica.

Claudio Henrique estuda administração na Universidade Estácio, em Salvador e conta sobre o impacto de ter buscado atuar no universo empresarial desde o início da graduação. “Fez toda a diferença porque você aprende muito na prática e te ajuda até a aprimorar seu senso de responsabilidade no âmbito acadêmico”, relata.

Portanto, fique por dentro e atualize seu cadastro agora mesmo para concorrer às nossas vagas. O Nube acredita em seu potencial!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe