Em meio às transformações no mundo corporativo, colocar sua empresa em destaque, é desafio para muitos donos de negócios. Acompanhar as constantes mudanças em relação ao engajamento, propósito, produtividade e, principalmente, inovação é importante! Saiba como!

Para Flávio Pelizari, diretor de recursos humanos e treinamento da ReachLocal, engana-se quem pensa: criar vem do nada e simplesmente acontece. Na verdade, é preciso cultivar, desenvolver e estimular a criatividade. “A simples decisão ou vontade de se ter uma empresa ou um ambiente inovador não é garantia, apesar de ser um bom começo. Como em todo cultivo, é preciso investimento para criar raízes e crescer”, evidencia.

Por isso, o especialista separou alguns pontos cruciais para quem quer apostar nesse quesito. Afinal, eles impactam os resultados!

1. Diversidade: tenha um espaço aberto para o diverso e o diferente. Novos olhares, personalidades, opiniões e abordagens devem ser incentivadas para o surgimento de ideias.

2. Ambiente: a inovação não se desenvolve em um lugar limitado, restritivo e cheio de barreiras. O ideal é derrubar paredes, sejam elas físicas ou mentais e valorizar a troca de informações

3. Entrosamento: garanta meios de comunicação eficazes para integrar todos os colaboradores. Assim, o diálogo flui melhor e soluções aparecem.

4. Descompressão e “ócio criativo”: muitas vezes, se desconectar da rotina diária pode aflorar a capacidade de desenvolver outras concepções.

5. Incentivos e recompensas: premiações, bônus, stock options, entre outros mecanismos de reconhecimento, sempre serão grandes incentivos para valorizar essa ações.

Para Iara Lage, arquiteta e urbanista, do Rio de Janeiro, essa questão está estreitamente relacionada com a motivação. “Me agrada um lugar com essa preocupação. Caso estivesse em um local com essa falta, tentaria incentivar a pensar sobre o assunto, afinal, sempre estou buscando novas soluções”, conta. Para ela, quando a empresa não olha para isso, as pessoas provavelmente não terão prazer em realizar suas atividades ali.

Portanto, o fundamental é fazer todos se sentirem parte integrante do processo, gerando um ambiente de estímulo e não de ameaça para novos conceitos. “Um local onde a contribuição e construção coletiva faça realmente a diferença e gere um resultado exponencialmente melhor”, finaliza o especialista.

Conte com o Nube!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe