Você está pensando em partir para um curso técnico, mas ainda não sabe qual a melhor opção? Se gosta de economia e finanças e tem interesse em trabalhar em seu negócio próprio ou prestando serviços para empresas e entidades, aqui vai uma dica. Talvez, técnico em contabilidade seja o ideal para o seu perfil.

O aprendizado pode ser feito juntamente com o ensino médio. Nele, serão oferecidos conhecimentos em empreendedorismo, gestão ambiental, matemática aplicada, comunicação empresarial, entre outros. A área de atuação é ampla, podendo se aplicar em empresas do comércio varejista, indústria, setor público, consultoria empresarial, escolas e faculdades e por aí vai. Há também a possibilidade de trabalhar como autônomo.

O mercado demanda esse profissional de forma contínua, pois o não cumprimento das leis fiscais pode gerar as mais altas multas. Então, o técnico tem praticamente todas as prerrogativas do bacharel em Ciências Contábeis. A exceção se emprega na realização de perícias judiciais ou extrajudiciais, revisão de balanços e auditorias. Isso porque somente quem concluiu a graduação pode tirar o Registro CFC (Conselho Federal de Contabilidade).

Contudo, optar por também fazer o bacharelado na área poderá abrir muitas portas. “O segmento existe há oito mil anos e nunca vai morrer. O futuro é promissor”, explica. Para ele, cabe à nova geração continuar se reinventando. “Independentemente do sistema da vez ou da tecnologia adotada, sempre será preciso uma pessoa para fazer o trabalho de inteligência”, estimula o Coordenador do curso de Ciências Contábeis e da pós-graduação em Controladoria e Tributos da UniCarioca no Rio de Janeiro, Sérgio Vidal.

Dentre as principais atividades do campo está a análise e conciliação de valores, classificação de despesas e da receita financeira, organização de balancetes, elaboração de cálculos de impostos, juros e taxas e prestação de contas. “Os avanços tecnológicos possibilitaram a automatização de diversas tarefas do dia a dia de quem está no setor, aumentando assim a produtividade. Portanto, hoje, os contadores são detentores da informação”, ressalta o especialista.

Para Adão Lopes, mestre em tecnologia e CEO da Varitus Brasil, antes o profissional tratava de cada organização de modo individual, acompanhando e fazendo a gestão dos processos. “Atualmente, é possível fazer o gerenciamento de todos os clientes em uma única interface e ter acesso a qualquer documento emitido ou recebido pela corporação, por meio do CNPJ. Isso transformou o campo de atuação”, assegura.

Para os interessados, o salário gira em torno de R$ 3.138,51, para uma jornada de 43h semanais, de acordo com o Caged do MTE - Ministério do Trabalho e Emprego.

Gostou? Quando escolher sua trajetória, conte com o Nube para ingressar na companhia dos sonhos!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe