A felicidade, em qualquer ambiente, seja ele de convívio social ou profissional, é uma questão com cada vez mais espaço quando o assunto é aprimorar relações interpessoais e de autoconhecimento. Uma das maiores preocupações das grandes empresas tem sido compreender e estruturar esse bem-estar pessoal para aplicá-lo de forma eficaz e transformadora nas organizações.

Gestores de todo o país têm tratado o tema como assunto estratégico no ambiente corporativo. Pessoas alegres apresentam desempenhos superiores em aspectos como produtividade, engajamento e criatividade. Pensando nisso, a consultoria Hümans at Work, lançou um levantamento inédito, a Hümans Happiness Survey - Indicador de Felicidade no Trabalho. Ele mensura o contentamento nas corporações e oferece insumos para gestão.
 
“Faz muito sentido falar sobre o conteúdo em um contexto no qual mais de 18 milhões de empregados brasileiros estão insatisfeitos e dispostos a trocar de colocação. Pensando nisso, oferecemos dados para a liderança alcançar seus consequentes benefícios”, detalha Guilherme Krauss, fundador da Hümans at Work e idealizador do estudo. Ao todo, foram dezenove corporações participantes, entre elas Renault, BRMalls e Positivo Tecnologia, nas quais 19 perguntas foram feitas. Analisou-se aspectos como reconhecimento, autonomia, amor pela atividade, alinhamento entre valores e satisfação pessoal.
 
Levando em consideração o engajamento no ambiente corporativo, o ISAE Escola de Negócios, de Curitiba (PR), foi a primeira instituição de ensino brasileira a lançar um curso exclusivo com a temática: o GBA (Global Business Adriministration) da Felicidade - Transformando pessoas e organizações. O foco da atividade, com duração de 144 horas/aula, é fazer com os alunos compreenderem e estruturarem a euforia como um todo para aplicá-la de forma eficaz.

Por meio de experiências sensoriais, artísticas e meditativas, as aulas trazem uma maior consciência da harmonia entre corpo e mente, com benefícios ligados a maior concentração, foco e clareza, reduzindo estresse e ansiedade. Todo esse conjunto transforma o espaço em um local de conexão, integrando estudantes, professores e convidados.

De acordo com o coordenador do curso, Gustavo Arns, é preciso se preocupar em primeiro lugar com o prazer das pessoas, antes de pensar em aplicá-la no empreendimento. “Nós buscamos fugir um pouco do lugar comum do pensamento: indivíduos contentes produzem mais e melhor. O deleite não deve ser abordado unicamente pensando em produtividade. É um aspecto humano muito importante e um maior rendimento é apenas um efeito colateral disso”, explica.

O médico do trabalho, Eros Tal, diz estar habituado a conversar com pessoas infelizes dentro de seus empregos, sem apoio institucional para superar tais problemas. “O mundo de dentro de cada um é tão importante quanto o de fora. Para vencer os desafios, é necessário estar bem consigo constantemente”, explica. Portanto, a importância de pensar nesse aspecto é definitiva para uma produção de qualidade.

Você está feliz?

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe