De acordo com o último levantamento ‘Panorama do Treinamento no Brasil’, o investimento em atividades de educação corporativa caiu em 5% de 2017 para 2018. Por consequência, o volume de programas de Treinamento e Desenvolvimento (T&D) implementados nas empresas também declinou (15% de queda no mesmo período). Diante dessa realidade, cada vez mais companhias têm buscado soluções enxutas e altamente alinhadas às estratégias organizacionais.

A atualização do conteúdo por meio da curadoria de informações é uma ótima alternativa para ter trilhas de conhecimento relevantes e de qualidade, sem preocupar-se em começar do zero. O conceito, provém do latim “curare” (cuidar) e representa o ato de selecionar e apresentar os dados de uma forma acessível e significativa, a fim de realmente agregar valor no cotidiano de quem os consome.

Entre as razões para adotar a prática na companhia encontram-se os seguintes benefícios:

- Materiais interligados com as últimas novidades;
- Agilidade na aprendizagem;
- Flexibilidade na gestão do conteúdo;
- Personalização na transmissão de informações;
- Aumento de engajamento no treinamento;
- Fortalecimento da produtividade.
 
Para Renato Gangoni, CEO da Spin Design no Rio de Janeiro, o sucesso em ações de educação corporativa vem a partir do acompanhamento dos impactos das modificações desde os conceitos abordados, passando pelas ferramentas utilizadas no processo, até a maneira de transmitir o ensino. “Afinal, o maior obstáculo não é a escassez de conteúdo e, sim, a dificuldade de organizá-los e apresentá-los de maneira mais efetiva. Nesse sentido, a curadoria é capaz de trazer inteligência e inovação à corporação”, enfatiza.
 
A metodologia idealizada em seu empreendimento identifica a demanda do cliente e desenvolve uma solução totalmente customizada para o desafio organizacional, a partir de elementos da linguagem visual como jogos, vídeos, ilustrações e realidade aumentada. “O papel do curador é diminuir a distância entre o colaborador e as informações a serem adquiridas na ação de evolução de competências. Logo, o tempo se encurta, sem perder qualidade”, enfatiza. Como consequência, a absorção dos dados é simplificada.

Para Jéssica Alves, analista de treinamento do Nube, a capacitação dentro dos empreendimentos é fundamental. “O foco é expandir novas competências e aprimorar as já existentes, além de alinhar a postura dos colaboradores com base nos valores do negócio”, assegura.

Aposte nesse tipo de iniciativa e veja como os resultados aumentarão!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe