Vinculado tradicionalmente à imagem de pessoas empenhadas em doar seu tempo, talento e trabalho para beneficiar a sociedade, o trabalho voluntário pode ir muito além. A iniciativa pode entrar nas organizações e promover diversos benefícios no dia a dia dos funcionários. Entenda melhor sobre o assunto!

Criar campanhas de arrecadação de roupas, alimentos ou brinquedos é uma boa iniciativa dentro de qualquer organização. Contudo, para construir um programa conectado ao negócio e capaz de engajar colaboradores em suas comunidades, é preciso, antes de tudo, entender o seu conceito. Segundo o Conselho Brasileiro de Voluntariado Empresarial (CBVE), o projeto é “uma iniciativa de responsabilidade social de corporações, visando incentivar, organizar, apoiar e reconhecer ações cidadãs de seus profissionais e demais públicos de relacionamento, em prol da sociedade”. Partindo desse conceito, a atividade é não remunerada e pode ocorrer dentro ou fora do expediente da companhia.

De acordo com Marcelo Nonohay, diretor da MGN, cada estabelecimento precisa criar algo capaz de gerar valor compartilhado para ambas as partes: comunidade e empreendimento. Mobilizar as equipes para um mutirão de reforma de uma escola pública ou incentivá-los a serem professores voluntários, por exemplo, traz benefícios para a firma, para a vida do trabalhador e para a sociedade. "O sucesso está em envolver os integrantes de seu time no planejamento e na criação das ações", afirma.

Carolina Ferreira, do núcleo de Responsabilidade Social da instituição Santa Helena, em Ribeirão Preto, se orgulha de fazer parte de um time com esse tipo de preocupação. “Com o Grupo de Voluntariado, nascido em 2015, além de ajudar o próximo, conseguimos melhorar o clima organizacional, pois todos por aqui se sentem estimulados e integrados”, afirma.

Para o especialista, não existe uma fórmula pronta para a iniciativa. Todavia, é importante sempre começar conhecendo o público interno de sua organização e entendendo com quais pontos eles se identificam. "Algo capaz de atender aos interesses em comum já é uma forma de motivar seus talentos e aumentar chances de perpetuar a ideia", diz Nonohay.

Se você se interessou pelo assunto, leve a proposta aos superiores e ajude a mudar o mundo. O Nube está nessa com você!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe