Com um mundo cada vez mais competitivo, um desafio para quem atua como recrutador é selecionar o candidato ideal para uma vaga. Sendo assim, várias alternativas e ferramentas surgiram, ao longo do tempo, para facilitar essa análise. Uma das utilidades mais interessantes é a grafologia.

Por meio desse estudo, é possível analisar a personalidade e caráter de um indivíduo pelo modo como ele escreve. Do Rio de Janeiro, Luciana Boschi é especialista nessa questão e autora do livro “Grafologia e Profissões - Orientação vocacional através da escrita”. Para ela, o campo de aplicação desse conhecimento torna-se praticamente infinito, pois pode ser associado a todos os aspectos relacionados ao comportamento humano.

Voltado ao universo organizacional, seu uso em processos seletivos se tornou frequente, principalmente nas redações utilizadas na avaliação. “Para uma correta análise, é necessário um texto de 15 a 20 linhas, em papel sem pauta, de tema livre, incluindo título e assinatura. As regras são para promover uma investigação quantitativa. Quanto mais informações se repetem, mais acentuada ela estará na personalidade do escrevente”, explica Luciana.

Ainda de acordo com a especialista, esse é o único teste capaz de gerar informações sobre o caráter de cada candidato. “Além disso, qualquer pessoa pode estudar esse assunto e aplicá-lo, pois não é instrumento exclusivo de psicólogos, como também não tem custo para a verificação. Afinal, basta uma caneta e uma folha de papel para se ter um diagnóstico”, continua.

Para Luciana, aproveitar essa técnica é uma excelente maneira de recrutar concorrentes a uma oportunidade. “Essa é uma poderosa ferramenta para realizar um minucioso mapeamento de perfil e identificar traços de personalidade, habilidades e competências voltadas para o futuro do profissional em uma organização”, adiciona.

Vinícius Roberto é estagiário de marketing, em Campinas. Para ele, ser sincero, transparente e objetivo em entrevistas é essencial, justamente para evitar saias justas, as quais podem ser detectadas por meio da grafologia. “Quando falamos a verdade, dou coerência e sentido à minha fala”, diz.

Portanto, isso ainda pode gerar muita conversa no mercado de trabalho. Se preparar para as novas tendências é essencial para vencer a competitividade, independentemente do nicho ou cargo de atuação. Conte sempre com o Nube!

Estamos no Linkedin com mais dicas e matérias focadas para gestores.

Se você tiver dúvidas sobre a contratação de estagiários e aprendizes, solicite um contato da nossa equipe.

Interessado em aprender mais? O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de gestores, estagiários e aprendizes.

Compartilhe