Além das tradicionais doenças responsáveis por afetar a mente do trabalhador, como depressão, pânico e ansiedade generalizada, uma outra patologia vem atingindo de forma brutal os trabalhadores. É a síndrome de Burnout, mais conhecida como mal da exaustão. Saiba identificar quem está com a doença.

Segundo uma pesquisa realizada pela International Stress Management Association (Isma), cerca de 30% dos mais de cem milhões de trabalhadores brasileiros sofrem com o problema. Para Maria Inês Vasconcelos,advogada trabalhista e especialista em Direito do Trabalho em Belo Horizonte, um dos sintomas mais marcantes é a despersonalização, seguida da fase de sentimento de incompetência e inadequação para o trabalho. “O trabalhador passa a duvidar de sua capacidade de realizar as mais simples tarefas, não conseguindo mais se adequar à organização, costumando ainda adotar uma postura cínica e insensível perante os colegas e ao próprio patrão”, explica.

A gestão pelo medo vêm provocando essa alienação mental. Como existe a perturbação mental das crianças, existe a insanidade no trabalho. “Se destrói de tal forma o aparato psíquico do colaborador, a ponto dele perder sua autonomia, capacidade de crítica e independência”, reforça.

A Síndrome de Burnout está prevista na Lei 8213-91, autorizando o requerimento de auxílio doença previdenciário e estabilidade provisória no emprego. O funcionário pode vir, inclusive, solicitar uma indenização no curso de ação judicial. A psicóloga, Dra. Cristiane Pertusi já lidou com casos do tipo e recomenda: “para reverter o quadro, a orientação é o paciente buscar ajuda com um médico psiquiatra, o qual fará o diagnóstico e poderá receitar medicamentos, além de, se necessário, encaminhá-lo para a terapia com um psicólogo”, afirma.

O mais importante é cuidar da saúde e focar no bem-estar!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe