Migrar do ensino médio para a universidade não é tarefa fácil. Tudo é muito novo, exige diferentes cuidados e posturas sociais e emocionais. Para ajudar os calouros nos seus primeiros dias como universitários, listamos algumas dicas imprescindíveis.

De acordo com o pró-reitor acadêmico da UniCarioca, Max Damas, a instituição tem papel fundamental nesse cenário. “A principal dificuldade está no ambiente e no aumento da responsabilidade sobre a própria vida. O estudante precisará construir uma nova autonomia e senso de organização para poder atender a todas as demandas”, explica. Para ele, também será preciso rever seus hábitos de estudo e exercitar a comunicação e integração com novos colegas. “É muito importante saber desde o momento da matrícula o máximo de informações sobre o curso e a universidade. Desde localização e horário das aulas, até o modelo de aprendizagem adotado, nome dos coordenadores e os serviços oferecidos”, explica.

As faculdades também devem usar todos os meios possíveis para minimizar o momento da primeira semana, tais como disponibilizar conteúdos impressos, digitais e audiovisuais para demonstrar seu funcionamento.

Fora isso, Damas passa mais seis dicas:

Quais disciplinas devo cursar: geralmente, todas instituições propõem uma grade de horários padrão para os alunos novos, sendo importante o dicente já ter essa grade em suas mãos.  

Tenho dúvidas sobre como me organizar para estudar: alguns lugares oferecem orientadores psicopedagógicos para auxiliar na organização de um planejamento diário. Vá atrás desse serviço.

Escolhi a carreira, mas ainda tenho algumas questões: procure o seu coordenador pessoalmente ou envie e-mail agendando uma conversa elucidativa sobre as características da área e os aspectos da formação profissional.

Não sei qual a melhor forma de chegar no local para assistir às aulas: informe-se com amigos e parentes próximos sobre os meios de transporte existentes ou pergunte na secretaria quais as melhores formas de realizar o deslocamento.  

Tinha muitos amigos no ensino médio e agora precisarei fazer novas amizades: esse processo faz parte da vida. Enxergue como uma oportunidade de novas aprendizagens e relacionamentos. Veja quem tem afinidade com você e use as redes sociais para socializar o convívio e proximidade com seus novos colegas.

Não sei por como começar: existem programas de nivelamento gratuitos (presenciais ou virtuais), os quais ajudam o calouro a rever conceitos importantes de conteúdos já vistos há muito tempo.

Helton da Silva de Oliveira, ingressou em 2018 em Ciência Contábeis. “Escolhi o turno da noite, também porque trabalho. É visível como formam-se tribos nas salas, mas essa questão da sociabilidade foi tranquila”, comenta. Para ele, outro ponto interessante é a pontualidade dos professores. “Nunca tinha visto nada igual e pode ser um fator de dificuldade para muitos alunos vindos do ensino médio”, complementa.

E para você, qual foi a principal barreira nessa mudança de etapa? Comente conosco nas redes sociais!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe