De acordo com um estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT) e Empresômetro, a paralisação dos caminhoneiros em todo o país provocou um prejuízo estimado de mais de R$ 26 bilhões em negócios não realizados, considerando apenas os oito primeiros dias. Das microempresas, às grandes corporações, de consumidores a fornecedores, todos os setores da economia sentiram o impacto.

Muitos dos empresários de vários segmentos afirmaram como foram afetados pela greve de alguma forma, seja pelo cancelamento de reuniões, a queda nas vendas, ou o atraso no recebimento de materiais. “Por isso, em uma organização, é necessário planejar inclusive os imprevistos, tornando viável mudar a rota rapidamente”, afirma Lars Leber, country manager da Intuit no Brasil.

Para o CEO da agência Grupo Mais Comunicação em Campinas, Celso Leandro Palma, a paralisação foi uma chance de aumentar os lucros. Eles descobriram o quanto a matéria-prima faz falta, desde os papéis para as impressões, até mesmo a tinta da gráfica, a qual também ficou em falta. “Nossos clientes, normalmente, atuam no on-line e no off-line, como rádio, TV, jornal, revistas, painéis rodoviários, outdoors etc. Convidamo-os a migrarem as verbas do off, para o on e, com isso, conseguimos notar uma grande redução e também um retorno de forma imediata. Fechamos novos contratos, por conta de outras agências não saberem como entregar os resultados esperados”, afirma.  Em apenas uma semana, Palma atraiu mais de 15 clientes de médio e grande porte e assegura: “o inesperado é muito bom, pois quem sobrevive hoje no mercado, é quem sabe pensar fora da caixa, fora do comodismo”.

Pensando nisso, a Intuit listou algumas dicas para quem quer se preparar para assituações imprevisíveis e dar continuidade aos negócios:

1)      Mantenha o fluxo de caixa para períodos de recessão;

2)      Seja persistente e tenha paciência para passar pelos desafios diários;

3)      Aprenda a lidar com a própria ansiedade – faça um planejamento anual e procure manter sua atenção no cumprimento das metas a curto e médio prazo;

4)      Seja proativo;

5)      Busque diversificar seus fornecedores – em caso de atraso ou parada repentina você não fica na dependência de um só.
                
O Nube acredita em seu potencial. Boa sorte!

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Google+Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe