Cada dia mais pessoas investem em ter um emprego fixo e, em paralelo, um como freelancer. Os motivos variam desde a oportunidade de atuar com um hobby, ganhar experiência em uma nova área e, claro, complementar a renda.

Seguindo uma tendência global, o mercado brasileiro de freelas cresce a cada ano. Pensando nisso, Gustavo Mota, CEO da WeLancer, lista cinco dicas para quem quer encontrar um meio termo entre ambas as funções:

Estabeleça suas prioridades: faça uma escala de urgências. Realize uma checklist para se organizar e evite, assim, dedicar mais tempo as atividades menos importantes no momento. Esse é um passo importante para você manter o foco, não misturar as duas atividades ou pior: sobrepor uma a outra.

Crie uma rotina: monte um planejamento. Anote seus horários e dias livres. Depois separe o período para se dedicar aos jobs extras. Feito isso, passe a ter controle sobre seus compromissos e as datas de entrega de maneira organizada, isto é, apenas em um único lugar.

Saiba a hora de dizer não: determinados compromissos podem demorar mais tempo, seja pela produção dele ou mesmo pela pesquisa envolvida em sua criação. Pode se tornar uma bola de neve quando há outras tarefas com prazos similares. Ou seja, você pode atrasar ou entregar algo mal feito e isso afetará a sua reputação. Logo, selecione apenas responsabilidades com as quais poderá honrar.

Negocie prazos: quando um projeto não for finalizado, converse com o contratante, explique a situação e negocie. Isso demonstra um profissional de confiança, o qual respeita o investimento do próximo no seu serviço.

Não descuide da sua saúde: estresse, insônia, ansiedade e cansaço constante são só alguns dos efeitos do excesso de trabalho. Além disso, esse exagero acaba deixando outros aspectos da vida de lado, como os relacionamentos, a alimentação e o lazer, pela falta de harmonia. Portanto, saia com seus amigos, vá ao cinema, leia um livro, exercite-se, durma 8 horas por dia regularmente, alimente-se bem, vá a um show da sua banda favorita ou passe o dia sem fazer nada, apenas descansando.

Alessandro dos Santos Ferreira é designer, trabalha como freelancer no Rio de Janeiro e conta sua experiência. “Eu comecei a exercer essas atividades por acaso. Sempre atuei em gráfica e, em 2013, peguei o meu primeiro projeto paralelo por meio da WeLancer. Após o briefing do cliente, enviei as propostas e consegui fechar a parceria”, conta. Para ele, a modalidade permite mais flexibilidade de horário, porém é preciso organizar a rotina. “Por isso, quem segue por esse caminho deve ter muita dedicação. Logo, crie rotinas e tenha responsabilidades. Tente não se distrair com outras coisas ao seu redor. Separe o seu horário”, incentiva.

E então, pronto para ganhar um dinheiro extra?

Seja nosso seguidor no Twitter (@nubevagas) e veja notícias diárias de ações, vagas de estágio e aprendizagem, palestras e muito mais. Assista nossos vídeos de dicas no YouTube e participe da nossa página no Facebook. Agora estamos também no Google+Instagram e no Linkedin. Esperamos você em nossas redes sociais!

O Nube também oferece cursos on-line voltados para a qualificação profissional de estagiários e aprendizes. Basta acessar o link www.nube.com.br/ead. Todos os serviços para o estudante são gratuitos. Já instalou nosso aplicativo "Nube Vagas" em seu celular? Com ele você será notificado a cada nova oportunidade. Disponível na Apple Store e Play Store.

Compartilhe